Fifa chama seleção brasileira de “deplorável” em relatório técnico da Copa

Entidade detonou o time comandado por Luiz Felipe Scolari na competição

Goleada por 7 a 1 para a Alemanha foi a pior da história do Brasil. Foto: Divulgação
Goleada por 7 a 1 para a Alemanha foi a pior da história do Brasil. Foto: Divulgação

A Fifa publicou nesta sexta-feira (15), por meio de seu site oficial, o relatório técnico sobre a Copa do Mundo, realizada entre os últimos meses de junho e julho no Brasil.

No documento, que contém versões em inglês, espanhol, alemão e francês, a entidade analisa a performance de todas as seleções que estiveram na disputa do Mundial. Quando chegou a vez de falar sobre o time de Felipão, a FIFA não poupou críticas, ao começar pela fase de grupo.

“Desde o início, o anfitrião Brasil não convenceu de todo. Seu jogo de ataque não funcionou como se esperava, e na defesa, surgiram certos problemas de coordenação. No entanto, a Canarinha iludiu ao superar as partidas da fase de grupos sem maiores inconvenientes”.

Quando analisou o desempenho da seleção brasileira nos jogos mata-mata, veio a grande alfinetada da entidade.

“Contra o Chile, o anfitrião precisou de nervos de aço e pênaltis. Graças a um melhor rendimento contra a Colômbia, a Verde e Amarela conseguiu passar para as semifinais. Cabe assinalar, no entanto, que na semifinal o Brasil não teve duas de suas melhores peças: Neymar (lesionado, não participou do torneio) e Thiago Silva (suspenso). Uma atuação deplorável contra a Alemanha acabou com as esperanças brasileiras de ganhar o título em seu próprio País, e o anfitrião tampouco conseguiu se reabilitar no jogo pelo terceiro lugar”.

No relatório, a Fifa resumiu o torneio como “Futebol de ataque, gols de tirar o fôlego e torcida vibrante como o coração da Copa do Mundo de 2014”.

Fonte: R7

Compartilhar:
    Publicidade