Fifa deve pagar R$ 50 mil por não enviar boleto de ingresso

Federação não enviou os boletos para pagamento de ingressos para um morador de Cuiabá, segundo Justiça do Mato Grosso

Morador de Cuiabá havia sido sorteado para adquirir ingressos da Copa, mas não recebeu os boletos para efetuar o pagamento. Foto: Divulgação
Morador de Cuiabá havia sido sorteado para adquirir ingressos da Copa, mas não recebeu os boletos para efetuar o pagamento. Foto: Divulgação

A Justiça do Mato Grosso condenou na terça-feira a Fifa a pagar multa no valor de R$ 50 mil por ter descumprido uma decisão judicial proferida em novembro do ano passado.

Na ocasião, o Sexto Juizado Especial Cível de Cuiabá (MT) determinou que a organizadora da Copa do Mundo enviasse no prazo máximo de dez dias os boletos para pagamento dos ingressos do Mundial a um morador da cidade, sob pena de multa no valor de R$ 20 mil. O morador havia sido sorteado para adquirir as entradas, mas não recebeu os boletos para efetuar o pagamento.

A Fifa alegou que os boletos já haviam sido enviados, mas não apresentou provas e relutou em cumprir a obrigação. A Justiça fez nova intimação para cumprimento da liminar no prazo de 48 horas, sob pena de multa de R$ 50 mil.

De acordo com o juiz Claudio Roberto Zeni Guimarães, do Sexto Juizado Especial Cível de Cuiabá, apesar do aumento do valor da multa, a Fifa não cumpriu a obrigação, “demonstrando sem dúvida alguma seu total descaso e desprezo para com o Poder Judiciário, bem assim em relação ao consumidor”.

Na decisão, o magistrado afirma que o reclamante depositou em juízo o valor dos ingressos para garantir suas entradas para os jogos da Copa do Mundo. A federação tem 15 dias para recorrer.

A reportagem tentou entrar em contato com a Fifa, mas nenhum representante foi localizado para comentar a decisão judicial.

Fonte: Terra

Compartilhar:
    Publicidade