Fifa vai investigar lance traumático que tirou Neymar da Copa

Imagens e informes serão avaliados e o caso será examinado pelo Comitê de Disciplina da entidade

uy536uy35

A Fifa anuncia que vai examinar o lance que tirou Neymar da Copa do Mundo. Imagens e informes serão avaliados a partir deste sábado e o caso será examinado pelo Comitê de Disciplina da entidade, no Rio de Janeiro.

Enquanto isso, assessores legais próximos à CBF já examinam a possibilidade de pedir à Fifa que abra uma investigação contra o jogador colombiano Juan Zuñiga, que no jogo desta sexta-feira em Fortaleza atingiu Neymar e o tirou da Copa do Mundo.

A meta dos brasileiros é a de conseguir uma punição equivalente ao que o jogador uruguaio Luis Suárez obteve depois de morder um adversário. A joelhada não foi vista pelo árbitro e o jogo seguiu, sem mesmo uma falta.

Mas a porta-voz da Fifa, Delia Fischer, confirmou na noite de sexta-feira que a entidade aguarda o relatório do árbitro e ainda vai colher material para investigar o caso. “Vamos reunir e analisar o material necessário com o objetivo de avaliar o caso”, declarou Fischer.

Assim que os exames revelaram a gravidade da contusão, os advogados entraram em ação para estudar todas as possibilidades legais. O lance representou o fim da participação do craque brasileiro das semifinais e eventualmente de uma grande final no Maracanã.

A avaliação é de que se, por uma mordida que sequer tirou o adversário do Mundial, um lance que coloca em risco outro atleta deveria ter, no mínimo, o mesmo nível de punição.

Suárez foi punido com nove partidas de suspensão, quatro meses afastado do futebol e multa. Isso tudo mesmo que o árbitro não tenha visto no jogo o lance da mordida.

A reportagem apurou que, no caso de Neymar, o Comitê de Disciplina vai pedir as imagens do jogo e, neste sábado, examinará a situação.

 

Fonte: Exame

Compartilhar:
    Publicidade