Filho é assassinado e pai baleado durante atentado em Extremoz

Homem morto era conhecido da polícia e já tinha sofrido outros atentados

Foto:Divulgação
Foto:Divulgação

Um atentado na noite deste sábado (22), em Extremoz, matou Sanderson Bruno Claudemir Vasconcelos Tomaz e deixou o pai dele, identificado apenas pelo apelido de Mazinho, baleado. Os dois estavam conversando em frente a uma residência conhecida como “Carão”, quando homens encapuzados se aproximaram em um carro.

Os bandidos atiraram várias vezes com espingarda calibre 12 e pistola calibre 380, acertando Sanderson e o pai dele. De acordo com a Polícia, Sanderson já era conhecido, sendo, inclusive, suspeito de ter matado uma menina de apenas 4 anos.

Além disso, ele já havia sofrido outros atentados. O soldado Ismael, lotado no 1º Batalhão da Polícia Militar, que um dos atentados sofridos pela vítima tinha sido praticado pelo criminoso conhecido como Rivotril, que morreu dias após ser baleado pela polícia, no mês passado.

“Ele era muito conhecido na zona Oeste de Natal. Era envolvido no tráfico e resolveu vingar a morte do irmão, morto por causa das drogas, mas devido ao último atentado sofrido, ele resolveu morar em Extremoz”, comentou o policial. O pai de Sanderson, baleado na noite deste sábado, foi socorrido e está internado.

Fonte:Portal BO

Compartilhar:
    Publicidade