França perde gols em excesso, embala no fim do jogo e bate Nigéria

Campeã em 98, a seleção francesa volta a estar em uma quartas de final após oito anos

Pogba marcou o primeiro gol da França. Foto: Divulgação
Pogba marcou o primeiro gol da França. Foto: Divulgação

 

A França teve que suar mais do que imaginava, mas está nas quartas de final da Copa do Mundo de 2014. Com atuação abaixo do esperado e boa quantidade de gols perdidos, a seleção europeia chegou a ser dominada em parte da partida pela Nigéria nesta segunda-feira no Estádio Nacional, em Brasília (DF), mas cresceu no fim do jogo e aproveitou falhas do adversário para vencer os africanos por 2 a 0, passando à fase seguinte do Mundial disputado no Brasil.

Campeã em 98, a seleção francesa volta a estar em uma quartas de final após oito anos – em 2006 alcançou o vice-campeonato, mas em 2010 foi eliminada na primeira fase. Em alguns momentos da partida desta segunda, contudo, o objetivo pareceu longe: a França demorou a se encontrar em campo e viu a Nigéria dominar, principalmente no início do segundo tempo – os franceses ainda tiveram que superar boa atuação de Enyeama, até contar com falha do goleiro para abrir o placar.

Com o avanço, os europeus aguardam o adversário das quartas de final: será Alemanha ou Argélia, que se enfrentam ainda nesta segunda. O duelo pelas quartas está marcado para a próxima sexta-feira, às 13h (de Brasília), no Maracanã. Os nigerianos, por sua vez, repetem o melhor desempenho no Mundial, já alcançado em 1994 e 1998, e ficam novamente sem passar das oitavas.

Primeiro tempo dinâmico, mas sem gols

Apesar de chances reais esporádicas de gol, o primeiro tempo foi bastante interessante para quem foi conferir o duelo no Estádio Nacional. Com equipes com grande característica ofensiva e que tiveram dia de falhas defensivas, os primeiros 45 minutos mostraram um jogo aberto e de velocidade intensa – não foi raro observar ataques em sequência de um lado e de outro.

As oportunidades, no entanto, eram raras. A melhor francesa surgiu aos 21min: aproveitando “avenida” no lado esquerdo da Nigéria, Pogba lançou Valbuena e o meia cruzou de volta para Pogba, que acertou lindo chute de primeira para grande defesa do goleiro nigeriano. O ataque da França, entretanto, sofreu no primeiro tempo com dia pouco inspirado de Giroud, que errou a maioria das jogadas que tentou.

Perigosa nas subidas ao ataque, a Nigéria chegou a balançar a rede no primeiro tempo, mas teve o gol invalidado. Aos 19min, Musa cruzou e Emenike completou para as redes, mas o nigeriano estava em posição irregular, assinada corretamente pelo assistente.

França demora a embalar, mas se impõe e marca duas vezes no fim

O duelo voltou para a etapa final no mesmo ritmo, com ambos os times buscando o ataque e falhando em aproveitar os – muitos – erros do adversário. Com uma postura surpreendentemente dominante, os nigerianos encurralaram os favoritos europeus no campo de defesa e mantiveram a posse de bola no campo de ataque. Os primeiros 20 minutos foram inteiros da Nigéria, que mostrou bom toque de bola para envolver a França, mas criou pouco.

Depois do susto inicial, os franceses tiveram a primeira grande chance da etapa final. Aos 24min, Benzema brilhou com boa jogada e, após linda tabela com Griezmann, saiu na cara do gol, mas chutou em cima de Enyeama – a bola ainda assim seguiu na direção do gol, porém Moses tirou quase em cima da linha.

A França retomou o domínio e Benzema voltou a aparecer ao dar chute cruzado aos 31min que passou por toda a pequena área até um defensor nigeriano tirar – na sobra, Cabaye pegou o rebote de fora da área e viu a bola explodir no travessão nigeriano. Aos 33min, Benzema cabeceou para grande defesa de Enyeama.

A boa atuação do goleiro africano, contudo, foi por terra no lance seguinte: em escanteio, o arqueiro afastou mal a bola e Pogba, de cabeça, mandou para o fundo da meta vazia aos 34min. Mesmo após a abertura do placar, os franceses continuaram melhores – aos 38min, Enyeama fez defesa espetacular em chute de Griezmann. O gol que consumou a classificação da França veio aos 46min: após cruzamento de Valbuena, a defesa nigeriana foi mal na bola e Yobo fez contra a favor dos europeus.

FICHA TÉCNICA
FRANÇA 2 X 0 NIGÉRIA

Local:   Estádio  Nacional Mané Garrincha, em Brasília (DF)
Data: 30 de junho de 2014
Horário: 13h (de Brasília)
Árbitro: Mark Geiger (EUA)
Assistentes: Sean Hurd (USA) e Joe Fletcher (CAN)
Cartões Amarelos: Matuidi (França)
GOL: Pogba (França), aos 34 minutos do segundo tempo e Griezmann (França), aos 46 minutos do segundo tempo.

Fonte: Terra

Compartilhar: