Garota de 12 anos é esfaqueada 19 vezes por amigas da sala de aula

Supostas autoras do crime foram influenciadas por uma pessoa que conheceram pela internet, segundo a queixa

Adolescentes contaram à polícia que estavam planejando o ataque desde fevereiro. Foto: Divulgação
Adolescentes contaram à polícia que estavam planejando o ataque desde fevereiro. Foto: Divulgação

Após uma festa do pijama em Milwaukee na sexta-feira, duas adolescentes atraíram outra para uma mata próxima e a esfaquearam 19 vezes, informou a polícia de Wisconsin. As três, todas de 12 anos, eram amigas e estudavam juntas, de acordo com a queixa criminal.

Depois do ataque, a vítima se arrastou em busca de ajuda. A menina ferida foi encontrada por um ciclista no sábado, deitada em uma calçada na cidade de Waukesha, segundo o chefe de polícia Russell Jack. Alguns dos principais órgãos dela foram atingidos, mas ela sobreviveu e está com o quadro estável. Uma das facadas foi perto do coração.

As duas suspeitas foram detidas horas depois de a vítima ser descoberta e respondem por acusações preliminares de tentativa de homicídio doloso. Foi fixada uma fiança de US$ 500 mil para cada uma, de acordo o advogado Brad Schimel.

Segundo a investigação, elas tentavam impressionar uma pessoa, “Slenderman”, que conheceram em um site de publicação de histórias de horror. Ele seria o susposto líder do site e, para subir em seu reino, o usuário deveria matar alguém, contou uma das suspeitas à polícia. O personagem é originário dos memes da internet e muitos acreditam que seja uma lenda urbana ou até mesmo um ser sobrenatural.

As acusadas frequentavam a mesma escola que a vítima e participaram juntas de uma festa do pijama na sexta-feira à noite. A polícia identificou as meninas como Morgan Geyser e Anissa Weier.

De acordo com a queixa, elas estavam planejando o ataque desde fevereiro. Primeiro, pensaram em matar a vítima colocando fita adesiva na boca enquanto ela dormia e esfaqueando-a no pescoço. Em seguida, o plano era matá-la em um banheiro, onde haveria um ralo que poderia facilitar a limpeza. No entanto, as adolescentes decidiram executar o plano em um parque durante uma brincadeira de esconde-esconde, segundo informações da polícia.

Fonte: O Globo

Compartilhar: