Governo não paga e estruturas temporárias da Arena estão comprometidas

Obras das estruturas temporárias do Arena das Dunas seguem em ritmo lento e preocupam a Fifa para a realização da Copa

56U56U5445U

O portal ESPN divulgou nesta segunda-feira (02) que o estádio de Natal construído para a Copa do Mundo, o Arena das Dunas, corre o risco de não ter as estruturas temporárias prontas para o mundial. A empresa contratada por meio de licitação, que segundo informações apuradas pelo portal já está trabalhando há 75 dias, ainda não recebeu a verba referente ao serviço.

As estruturas temporárias, exigência da FIFA, contemplam situações previstas para o sistema de bilhetagem, transmissão de TVs e rádios, controle de entrada e saída de torcedores, containeres, geradores de energia e integradores. Sem o recurso de aproximadamente R$ 23 milhões de reais, a empresa ameaça parar as obras que estão faltando para concluir as estruturas.

A assessoria da Secretaria Especial da Copa do Mundo no Rio Grande do Norte (Secopa) chegou a informar que o pagamento à empresa, conforme previsto no edital, começaria a ser feito 30 dias após a assinatura do contrato. Entretanto, ainda não completou esse tempo especificado.

Conforme divulgado pelo portal nacional de notícias, o edital de licitação do Governo do Rio Grande do Norte para contratação de geradores, por exemplo, previa pagamentos programados. No dia 30 de abril seriam pagos 20% do valor acordado, mais 30% no dia 30 de maio, 20% no dia 30 de junho e 20% em julho. Nenhum dos prazos combinados foi cumprido. O edital de licitação foi lançado no final do mês de março, tendo um ganhador em 17 de abril.

 

Arquibancadas móveis

As arquibancadas móveis do Arena das Dunas são outra preocupação com a proximidade da Copa, situação confirmada e divulgada pelo secretário-geral da FIFA, Jérôme Valcke, em visita à capital potiguar na semana passada. As 10 mil cadeiras extras para o mundial ainda não foram totalmente instaladas.

SEM RESPOSTA

A reportagem d’O Jornal de Hoje procurou Demétrio Torres, responsável pela Secopa, para que ele pudesse se pronunciar sobre a informação divulgada em rede nacional pela ESPN. Por telefone, Demétrio combinou de receber a equipe do JH no final da manhã de hoje, às 11h, no Departamento de Estradas de Rodagem (DER-RN), órgão do qual ele também comanda. No local, a assessoria informou que ele estava em reunião no Centro Administrativo e iria demorar a voltar, inviabilizando a entrevista.

Compartilhar: