Holyfield quer voltar ao boxe com 51 anos de idade após torrar R$ 550 milhões

Pugilista veterano recebeu oferta para enfrentar o gigante escocês Gary Cornish

Aos 51 anos, Evander Holyfield pode voltar a lutar boxe. Foto:Divulgação
Aos 51 anos, Evander Holyfield pode voltar a lutar boxe. Foto:Divulgação

A conta bancária quase no vermelho deve fazer o pugilista Evander Holyfield, de 51 anos, deixar a aposentadoria de lado e retornar aos ringues ainda este ano, como foi divulgado pela mídia especializada de boxe europeia.

O confronto seria contra o gigante escocês Gary Cornish, de apenas 26 anos, que teria por trás o aval do promotor Frank Warren, que encaminhou um pedido ao Conselho de Controle do Boxe Britânico para autorizar a atuação do veterano Holyfield.

Sem lutar desde 2011, o americano deve deixar a aposentadoria de lado sem cumprir o prometido de só calçar as luvas para disputar um título mundial em busca da meta de se tornar o atleta mais velho do mundo a realizar este feito entre os pesados do boxe.

Com 56 lutas como profissional, que lhe renderam cinco cinturões do mundo, Holyfield declarou publicamente que perdeu grande parte da fortuna de R$ 550 milhões que acumulou nos ringues.

Fonte:R7

Compartilhar: