Homem é retirado de voo por tuitar contra companhia aérea

Homem é retirado de voo por tuitar contra companhia aérea

Eu cheguei ao portão da Southwest Air!!! C39!!! Atendente mais rude já existente? Kimberly S, escreveu Watson. Foto: Divulgação
Eu cheguei ao portão da Southwest Air!!! C39!!! Atendente mais rude já existente? Kimberly S, escreveu Watson. Foto: Divulgação

Um americano afirmou que foi retirado de um voo da Southwest Airlines entre Denver e Minneapolis, junto com suas filhas, após fazer uma crítica à companhia aérea no Twitter sobre uma atendente que teria sido “rude” com ele. Em entrevista à rede de TV ABC, Duff Watson disse que o problema começou quando ele tentou entrar no avião com suas duas filhas. Por ser cliente da “lista de prioridade”, isso permitiria ele entrar na aeronave antes.

A atendente não deixou Watson e suas filhas de 9 e 6 anos de idade entrarem no avião. A moça alegou que as filhas não poderiam acompanhar ele. Watson questionou se isso era uma política nova da empresa, pois sempre viajou com suas filhas. A funcionária não respondeu, segundo ele. Então, Watson pegou o sobrenome dela para reclamar no atendimento ao cliente, mas, antes, tuitou a respeito. “Eu cheguei ao portão da Southwest Air!!! C39!!! Atendente mais rude já existente? Kimberly S”, escreveu Watson. Após o post, o americano e suas filhas foram forçados a sair do avião.

A companhia aérea classificou o tuíte como ameaça, e, por isso, retirou Watson do avião, junto com as filhas. Na saída, foi abordado por Kimberly, que pediu a ele para deletar o tuíte. Caso contrário, chamaria polícia. Watson apagou o tuíte, voltou ao voo, mas disse que não voaria mais com a companhia. Além disso, deixaria sua conta no Twitter como privada – apenas seus seguidores podem ver suas mensagens.

Em resposta, a Southwest Airlines afirmou que não pretende impedir comentários online de seus usuários. Segundo a companhia, foram oferecidos vouchers para Watson. A empresa informou que está investigando o caso e a conduta da atendente.

Compartilhar: