Homem que usou criança como escudo é encontrado morto no RN

José Carlos Lopes Jerônimo tinha 18 anos e estava no CDP da zona Norte. Em dezembro, um menino morreu após servir de escudo humano dele.

Cleyton foi usado como escudo por José Carlos. Foto:Divulgação
Cleyton foi usado como escudo por José Carlos. Foto:Divulgação

O homem que usou uma criança como escudo humano durante um tiroteio na Grande Natal em dezembro passado foi encontrado morto na cadeia. José Carlos Lopes Jerônimo tinha 18 anos e estava no Centro de Detenção Provisória da zona Norte de Natal. A Polícia Civil do Rio Grande do Norte vai investigar como ele morreu. A hipótese de suicídio não está descartada.

No dia 12 de dezembro passado, José Carlos, que era suspeito de ter envolvimento com o tráfico de drogas, se envolveu em um tiroteio na cidade de Macaíba. Para tentar se proteger, ele fez refém o estudante Cleyton Osório dos Santos Mendes, de 10 anos. O menino acabou baleado e morreu no local.

Cleyton havia saído de casa casa minutos antes para comprar pão, no bairro Campo Santa Cruz. José Carlos também foi baleado nesse tiroteio e acabou preso.

Segundo boletim de ocorrência registrado na delegacia de plantão da zona Norte, José Carlos Lopes Jerônimo teria se enforcado usando uma corda feita de lençois.

Fonte:G1

Compartilhar:
    Publicidade