IBOPE – Túlio Lemos

A pesquisa Ibope, divulgada ontem pela Inter TV Cabugi, revela superioridade numérica do deputado Henrique Alves e possibilidade de vitória…

A pesquisa Ibope, divulgada ontem pela Inter TV Cabugi, revela superioridade numérica do deputado Henrique Alves e possibilidade de vitória em primeiro turno. Diferente da pesquisa Consult, que mostrou queda do candidato do PMDB, o Ibope apontou crescimento de 4% de Henrique e de 7% de Robinson, em comparação com números anteriores do mesmo instituto.

CRESCIMENTO

Levantamentos de outros institutos apontam estagnação ou queda da candidatura de Henrique. O Ibope revelou crescimento. Assim como também apontou que o principal adversário de Henrique, o vice-governador Robinson Faria também cresceu; quase o dobro do PMDbista no mesmo período. Porém, o crescimento de Robinson ainda é lento para ameaçar a liderança de Henrique.

TEMPO

A campanha ainda não esquentou. Nenhuma denúncia foi apresentada. Portanto, há tempo suficiente para mudar o quadro atual. A leitura que se faz de todas as pesquisas, incluindo a do Ibope, que revela crescimento de Henrique, é que as lideranças que integram seu palanque, não conseguiram transformar apoio em voto. Caso contrário, pelo gigantismo da campanha, Henrique já deveria estar com cerca de 60%. Inquestionável dizer que o candidato é pesado. O adversário dele também.

NACIONAL

Por mais que queira passar a idéia de superioridade e até possibilidade de vencer a eleição em primeiro turno, a imprensa nacional destaca que os números, ao invés de motivar entusiasmo, provoca apreensão na campanha de Henrique. A avaliação é isenta e longe das paixões locais.

SENADO

Para o Senado, a preocupação é ainda maior. Wilma de Faria tinha uma maioria de 10% diante de sua principal adversária, Fátima Bezerra. Na pesquisa atual, a mãe de Lauro perdeu 4 preciosos pontos e a irmã de Tetê conquistou 5% a mais para sua candidatura. Uma cresce e a outra cai em um momento importante da campanha. Se for mantido esse cenário, Wilma será superada rapidamente por Fátima.

APOIO

Diante de queda nas pesquisas, Wilma de Faria está cobrando dos líderes do PMDB, um respaldo a mais para sua campanha. Reclamam que muitos aliados de Henrique não estão apoiando sua candidatura ao Senado. A pressão está forte e o humor de Wilma não é dos melhores.

PALANQUE

A reclamação de Wilma em relação ao PMDB é injusta. Afinal, tanto Henrique quanto Garibaldi, estão se empenhando na campanha da Guerreira. O pai de Waltinho gravou participação nos programa eleitoral de Wilma dizendo coisas que jamais diria em situação normal. Eleitores fiéis de Garibaldi não estão digerindo o fato do pai de Waltinho aparecer na TV tão ‘apaixonado’ por quem ele não nutre os melhores sentimentos.

SINCERIDADE

Na verdade, se existe alguém do time principal da política do RN que é reconhecido por sua sinceridade, esse homem é Garibaldi Filho. Diferente da grande maioria, Garibaldi não usa máscaras para eventos contatos com o povo e reuniões fechadas. Ele é um só.

SINCERIDADE II

Justamente por conta da sinceridade explícita, é que eleitores mais próximos do ministro Garibaldi não estão gostando da exposição exagerada do pai de Waltinho em relação a Wilma. Relembram o passado da relação nada agradável entre os dois.

FOGO AMIGO

O marketing da ex-governadora Wilma é responsável pela maior gafe cometida até agora no programa eleitoral. Abre a propaganda falando que a mãe de Lauro Maia sempre foi oposição ao governo Rosalba Ciarlini e que nunca “esteve com ela”, como forma de ressaltar a “coerência política” da ex-governadora. Ora: a mensagem atinge, justamente, os companheiros de chapa de Wilma: Henrique Alves e João Maia, que até o final do ano passado eram aliados da governadora do DEM.

FOGO AMIGO II

Mas a situação é ainda pior. Logo depois de dizer que jamais foi partidária de Rosalba e nem votou nela, o programa de Wilma mostra Garibaldi Filho pedindo voto para ela. E se a cena não fosse suficientemente incoerente por mostrar o ministro no programa daquela que foi sua principal adversária por anos, ainda há de se destacar que Garibaldi também esteve até bem pouco tempo com Rosalba. Inclusive, a apoiou contra o grupo de Wilma em 2010.

MISSA

Hoje será a missa de sétimo dia do popular comerciante do Alecrim, Francisco Braz Pereira, o Brazinho. Considerado um exemplo de homem honesto e pai de família, Brazinho foi um dos responsáveis por incentivar a carreira do neto, o jornalista deste JH, Ciro Marques. A missa será realizada às 19h, na igreja São João Batista, em Lagoa Seca.

Compartilhar:
    Publicidade