Imprensa argentina detona juiz na vitória do Brasil: ‘Arrancou roubando’

E, por fim, ainda fez um alerta para o erro e o futuro do Mundial, dentro das quatro linhas: "Se vão seguir assim com essa ajuda, melhor nos avisarem".

10392305_717828898263146_1850297065010703474_n

O Brasil tinha grandes dificuldades de achar o segundo gol contra a Croácia. Contudo, Neymar conseguiu deixar o time anfitrião na frente. E foi graças a um pênalti marcado pelo juiz Yuichi Nishimura (JAP), em lance no qual Fred sofreu uma falta duvidosa. Motivo de comemoração para os brasileiros, mas de indiginiação para os argentinos.

O Diário Olé, maior jornal esportivo da América do Sul, destacou no texto sobre o jogo que o Brasil teve um arranque ‘roubado’. A publicação hermana não poupou nas palavras.

“Papelão para a festa de abertura, embaraço no primeiro jogo da Copa do Mundo com o Brasil, ao qual foi dado um pênalti isólito para que ele ganhasse de uma brava Croácia”.

E, por fim, ainda fez um alerta para o erro e o futuro do Mundial, dentro das quatro linhas.

“Se vão seguir assim com essa ajuda, melhor nos avisarem”.

Já o site Canchallena, do jornal La Nación, não demonstrou sua revolta de forma tão gritante. Porém, fez questão de valorizar a virada brasileira através das mãos – ou olhos rigorosos – do juiz japones.

“Ficará para a lembrança o pênalti que o juiz Yuichi Nishimura marcou sobre Fred. Foi uma falta que só o árbitro viu”.
Fonte: R7

Compartilhar: