NO JEITINHO BRASILEIRO – Fábio Pacheco

O jogo de abertura da Copa do Mundo Fifa 2014 ficou marcado pelo velho jeitinho brasileiro. Era proibido o ingresso…

O jogo de abertura da Copa do Mundo Fifa 2014 ficou marcado pelo velho jeitinho brasileiro. Era proibido o ingresso de faixas de clubes, mas os corinthianos deram um jeito e conseguiram mostrar a marca da Gaviões da Fiel para todo o planeta. O show de abertura foi uma porcaria, curto demais e sem emoção, e só se salvou quando Claudinha Leite não se conteve e gritou vamo Brasil no final da apresentação musical ao lado da sem sal Jeniffer Lopez e daquele careca horroroso. Aliás, um show somente com artistas brasileiros seria muito melhor que essa vergonha da Fifa. Depois dentro de campo, quando a situação começou a ficar preta para o Brasil, Fred deu o velho jeitinho brasileiro e cavou um pênalti inexistente para o Brasil. O fraco árbitro japonês caiu direitinho na cena do atacante brasileiro, ajudando a seleção a estrear com uma vitória sofrida, como já era esperado.

NOTA ESCLARECIMENTO

O grupo Ecohouse, de propriedade do presidente do Alecrim, Anthony Armstrong, emitiu uma nota dizendo que repassou o montante de R$ 250 mil para o clube alviverde, dando como quitado quanto as pendências, de qualquer natureza, seja trabalhista, cível, financeira e ou com a referida empresa, inclusive salários em atraso, rescisões contratuais, contas fixas e despesas de manutenção até a data de 30 de maio.

UM PESO MORTO

Sinceramente não consigo ver a importância de Hulk no time titular da Seleção. Sua única função tática é marcar e marcar, correr feito um doido atrás da bola e não construir nada, pois quando rouba a bola tem sérias dificuldades de passe. Jogamos com dez o tempo todo, se bem que contra a Croácia jogamos com oito, pois Daniel Alves e Fred quase não tocaram na bola.

SÓ DEU MÉXICO

Cerca de 20 mil pessoas entre turistas e natalenses se misturaram ontem para ver a partida da seleção brasileira. Mas a grande atração foi sem dúvida o grande número de mexicanos que chamaram a atenção pela criatividade e alegria, se identificando demais com o povo brasileiro.

DOIS GOLS

Nem o melhor jogador do mundo, Lionel Messi, conseguiu estrear em Copa do Mundo marcando dois gols. Até o Rei Pelé não conseguiu essa façanha. Mas Neymar foi lá e fez dois, mostrando que tem tudo para ser o craque da Copa 2014. Ainda é cedo para fazer apostas, mas o cartão de visitas foi apresentado.

OVERDOSE DE FUTEBOL

Hoje começa pra valer a Copa do Mundo 2014. Três jogos pra matar a saudade dos amantes do futebol. Camarões e México, adversários do Brasil, medem forças a partir das 13h na estreia da Arena das Dunas, depois um superclássico entre Espanha e Holanda, às 16h, na Arena Panatanal, e pra fechar a primeira partida do Chile contra a Austrália. É muita emoção, viva o futebol.

FIM DO SONNHO

Alegando “privilégios”, a Justiça de Minas Gerais negou ontem o pedido de trabalho externo para o goleiro Bruno Fernandes, condenado a 22 anos de prisão pela morte de Eliza Samudio, que havia solicitado o benefício para jogar no Montes Claros Futebol Clube. Segundo o pedido, ele deixaria a penitenciária, das 7h às 19h, de segunda a sexta, e nos finais de semana quando houvesse jogos.

PROBLEMAS DA SELEÇÃO

O gol contra de Marcelo mostrou ontem que a Seleção Brasileira segue mal servida de laterais. Daniel Alves não entrou em campo, Oscar foi deslocado para a função de ala no início da partida justamente porque o jogador do Barcelona não conseguia fazer as passagens. Nossa sorte foi que Oscar estava inspirado, se ele manter a regularidade e Neymar jogar 50% do que se sabe, talvez passemos com 100% de aproveitamento na primeira fase.

GRANDE TESTE

A Arena das Dunas passará hoje por seu grande primeiro teste. Como ABC e América não conseguiram lotar o estádio da Copa, hoje veremos como se comportará a praça esportiva que receberá sua capacidade máxima, liberado pelo Corpo de Bombeiros para receber 38.958 torcedores.

Compartilhar: