Jovem de apenas 21 anos é preso acusado de matar mais de 45 pessoas

Rapaz conhecido como “Japinha” é considerado perigoso e estava foragido da Justiça

Na abordagem, polícia verificou que havia dois mandados de prisão expedidos contra Japinha. Foto: Divulgação
Na abordagem, polícia verificou que havia dois mandados de prisão expedidos contra Japinha. Foto: Divulgação

Um jovem de 21 anos acusado de matar mais de 40 pessoas foi preso na noite do último domingo (20), em Céu Azul, bairro de Valparaíso de Goiás (GO), no Entorno do Distrito Federal. Após uma abordagem policial, a PMGO (Polícia Militar de Goiás) constatou que o rapaz, conhecido na região como “Japinha”, era foragido da Justiça – havia dois mandados de prisão expedidos contra ele – e é acusado de ter praticado 45 homicídios, apesar da pouca idade.

Além de Japinha, foram presos outros dois jovens que, segundo a polícia, fazem parte da quadrilha. De acordo com o delegado Cleiton Lobo, Japinha é considerado um criminoso perigoso nas regiões de Luziânia (GO) e Valparaíso (GO), Entorno do DF.

“A situação [dele] complicada. Tomamos conhecimento [dos crimes] através dos agentes que participaram das investigações em Luziânia e sabiam que ele era foragido e tinha várias passagens. Ele é considerado bastante perigoso”, disse o delegado.

Segundo a PMGO, na abordagem de Japinha e dos outros dois amigos que estavam com ele no carro foi encontrada uma arma dentro do veículo. Japinha teria ainda tentado dar endereço errado aos policiais. Ainda na abordagem, a polícia conseguiu o endereço de um condomínio em Valparaíso que seria ponto de tráfico. Além de drogas, foram encontrados no local armas e dinheiro.

“Ele [Japinha] pertencia a um grupo de extermínio do Jardim Ingá. Esse grupo não existe mais porque o pessoal já morreu. [Eles] praticavam execuções a mando de traficantes”, contou o soldado Eimar, da PMGO.

Fonte: R7

Compartilhar:
    Publicidade