Homens encapuzados executam jovem por engano na frente da mulher e filha

Criminosos disseram ter matado por engano após atirar na vítima.

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Um jovem de 19 anos foi executado na frente da mulher e da filha de apenas três anos de idade, na madrugada desta quinta-feira (7), na IV Travessa Dr. Augusto Cesino Monteiro Medeiros, no bairro Potengi, zona Norte da capital. Edilázaro Bernardo Pereira dormia no momento alvejado na cabeça e no peito por homens que chegaram encapuzados em uma motocicleta.

De acordo com a mulher da vítima, que pediu para não ter a identidade revelada, os criminosos chegaram ao local por volta de 1h da manhã e ao entrar na casa após arrombar a porta foram até o quarto onde pai, mãe e filha dormiam. “Foi terrível, nunca mais esquecerei aquela cena. O meu marido dormindo e aqueles homens encapuzados me pedindo para não gritar. A minha filhinha ainda pediu pra eles não matarem o pai, mas não adiantou”, relatou.

A testemunha ocular da execução foi atingida no peito por uns dos tiros, ela disse ainda para a reportagem que em um dado momento após os tiros, um dos suspeitos se desesperou ao ver que o alvo não era aquele dizendo a todo momento que atirou na pessoa errada. Os autores dos disparos fugiram em seguida deixando um cenário de morte para trás.

O crime está envolto a um mistério, os familiares de “bochecha” como era mais conhecida a vítima relataram que o jovem não era viciado em drogas e nunca se envolveu com atividades delituosas. O crime será investigado na 12º delegacia de polícia.

Fonte: Portal BO

Compartilhar: