Jovem que teve olhos perfurados pelo ex sofre de depressão e pesa 40 kg

Ela perdeu 100% da visão de um olho e enxerga apenas 50% do outro; suspeito será julgado

Suspeito invadiu a casa da jovem no dia 29 de agosto do ano passado. Foto:Divulgação
Suspeito invadiu a casa da jovem no dia 29 de agosto do ano passado. Foto:Divulgação

Prestes a ver o ex-marido sentado no banco dos réus por ter perfurado os seus olhos, a jovem Mara Rúbia ainda não retomou a vida. O crime foi cometido no dia 29 de agosto do ano passado em Goiânia (GO) e o julgamento do suspeito começa na próxima quinta-feira (20).

Mara Rúbia já passou por mais de oito cirurgias, mas perdeu a visão total de um olho e enxerga apenas 50% com o outro. Segundo a advogada dela, Darlene Liberato, a jovem recebe ameaças por telefone, por isso está em um abrigo com um filho.

“A vida dela foi colocada de cabeça para baixo. A Mara se aposentou por invalidez e está muito debilitada. Esperamos uma condenação para que ela possa de alguma forma ver Justiça”.

Segundo o Tribunal de Justiça de Goiás, a vítima chegou em casa para o almoço e deixou a porta encostada. Pouco depois, foi surpreendida por Wilson Bicudo, que a agarrou pelo pescoço e a empurrou para cima da cama, momento em que afirmou.

Bicudo agrediu e sufocou Mara Rúbia com as mãos, até que ela desmaiasse. Quando a vítima recobrou a consciência, o acusado amarrou suas mãos e pescoço com um fio de telefone. Em seguida, ele perfurou os olhos com uma faca de mesa.

O acusado confessou o crime e disse que agiu em um momento de raiva. Ele chegou a ser solto, mas está preso e não viu mais o filho do casal.

Fonte:R7

Compartilhar:
    Publicidade