Liminar a favor de Neymar é cassada e ‘Playboy’ pode continuar nas bancas

Publicação ganhou ação na Justiça contra o craque e edição de junho com Patrícia Jordane poderá ser vendida normalmente

65U56U56

A “Playboy’ recorreu na Justiça e a liminar em favor do jogador Neymar foi cassada, com isso, a publicação de junho que traz Patrícia Jordane na capa (“A morena que encantou Neymar”) poderá continuar sendo vendida nas bancas. O Tribunal de Justiça de São Paulo derrubou nesta quinta-feira, a liminar da 3ª
Vara Civel do Fórum Central de São Paulo. O desembargador que assina a cassação da liminar, relator da matéria, é Rui Cascaldi.

No último dia 25, o craque havia ganhado uma ação na Justiça pela 3ª Vara Cível de São Paulo que suspendia a venda imediata da publicação. Na ocasião foi publicada uma noto oficial de Neymar.

“Em prosseguimento ao noticiado por nós em 25/06 (Clique aqui e leia) informamos que a Abril Comunicações S/A, editora da Revista Playboy foi oficialmente intimada hoje (01/07) da decisão liminar da 3ª Vara Cível da Comarca de São Paulo que determinou a suspensão imediata da edição e venda de novos exemplares da edição de Junho de 2014 desta revista”.

 

Fonte: O Dia

Compartilhar: