Luta impecável de Barão abafa erro de juiz em nocaute técnico

Mas por mais que o juiz central tenha cometido esse equívoco, ele não diminuiu em nada os méritos do brasileiro

Com apenas 26 anos, Renan Barão tem uma das mais impressionantes carreiras no MMA, com 36 lutas e 34 vitórias. O nocaute que conseguiu no último sábado sobre Urijah Faber, defendendo no UFC 169 seu cinturão dos galos pela primeira vez, foi uma ótima amostra do potencial do potiguar. Mas essa luta ficou com uma pequena mancha.

Foi quase unânime a opinião de que o árbitro Herb Dean parou o combate e decretou o nocaute técnico do brasileiro na hora errada. Por mais que Barão estivesse batendo, Faber ainda estava se defendendo dos golpes e fez até um gesto de positivo.

“Vocês já me ouviram falar milhares de vezes que Herb Dean é o melhor de todos nesse trabalho, mas hoje ele cometeu um erro que raramente comete”, disse Dana White.

Renan Barão nocauteou o adversário ainda no primeiro round. Foto:Divulgação
Renan Barão nocauteou o adversário ainda no primeiro round. Foto:Divulgação

Faber também reclamou da decisão, mas adotou uma postura muito cavalheiresca e não criticou o resultado. “Eu ainda estava me defendendo, como ele pediu, mas isso não muda o que aconteceu. Eu enfrentei o melhor de todos. Renan está cada vez melhor e fico feliz por ter feito mais uma grande luta contra ele. É uma honra para mim.”

Mas por mais que o juiz central tenha cometido esse equívoco, ele não diminuiu em nada os méritos do brasileiro. Barão não tomou conhecimento do melhor Faber dos últimos anos, um adversário que não perdeu mais e evoluiu muito desde a primeira vez que eles se enfrentaram. Urijah derrotou rival atrás de rival e foi uma presa fácil para o campeão.

Renan precisou de dois minutos para estudar e encontrar a distância. Antes de Herb Dean encerrar o combate, Barão já tinha conseguido dois knock-downs (um com um direto e outro com um cruzado de direita) que sabe-se lá como seu adversário conseguiu sobreviver.

Como o próprio Dana White disse ao final da entrevista coletiva, esse erro é nada perto dos feitos do campeão dos galos. “Podemos falar o que dizermos disso, mas Barão é um cara incrível. Ele só melhora, luta após luta, é um finalizador. Não tem como negar que é um dos melhores peso por peso do mundo e não tem papo nenhum de nocaute na hora errada.”

Fonte:Uol

Compartilhar:
    Publicidade