Lutador do UFC morre após sofrer infarto e ficar 13 dias internado

Após lutar pela vida durante 13 dias, Shane Del Rosario morreu nesta segunda-feira. O lutador do Ultimate Fighting Championship (UFC)…

Shane del Rosario não lutava desde dezembro de 2012. Foto:divulgação
Shane del Rosario não lutava desde dezembro de 2012. Foto:divulgação

Após lutar pela vida durante 13 dias, Shane Del Rosario morreu nesta segunda-feira. O lutador do Ultimate Fighting Championship (UFC) tinha sofrido um infarto cardíaco e até apresentou melhoras, mas não resistiu. A entidade divulgou uma nota lamentando o ocorrido.

Shane Del Rosario sofreu o infarto e só depois foi concluído que ele tinha uma doença congênita, que poderia causar sua morte a qualquer momento. Por ter sido atendido rapidamente, ele conseguiu sobreviver ao ataque. Mas os médicos não conseguiram salvar sua vida.

Poucos dias depois do infarto, sites americanos chegaram a divulgar a morte cerebral do lutador. Porém, a informação foi negada na época. Depois, foi divulgado até que ele passou a respirar sem aparelhos. Mas sempre foi alertado que ele tinha poucas chances de sobreviver.

Shane Del Rosario, 30 anos, começou a carreira de lutador no kickboxing, onde venceu oito de suas nove lutas. No MMA, o cartel era de 11 triunfos em 13 confrontos, sendo as duas derrotas em suas participações pela organização UFC, ambas na categoria pesado. Shane não lutada desde dezembro de 2012, quando perdeu para Pat Barry por nocaute no The Ultimate Fighter 16 Finale.

Fonte:Terra

Compartilhar: