Mãe relata emoção de segurar filha de 500 gramas pela 1ª vez

Mulher esperou mais de um mês para conseguir tocar na menina

A pequena Emily nasceu em 27 de fevereiro, aos seis meses, e foi levada a uma incubadora especial para se recuperar. Foto: Divulgação
A pequena Emily nasceu em 27 de fevereiro, aos seis meses, e foi levada a uma incubadora especial para se recuperar. Foto: Divulgação

Pouco mais de mês depois de dar à luz, uma menininha de pouco mais de 500 gramas, a escocesa Claire Cressey, 34 anos, pode tocar e segurar sua filha, Emily, pela primeira vez. O momento especial e comovente aconteceu no último domingo (30), de acordo com informações do site Daily Mail

De acordo com a publicação, a pequena Emily nasceu em 27 de fevereiro, aos seis meses, e foi levada a uma incubadora especial para se recuperar.

Os médicos autorizaram apenas dez minutos de contato, mas a pequena reagiu tão bem que Claire pode ficar com ela por 20 minutos. Segundo a escocesa, foi um dos momentos mais preciosos de sua vida.

“Esperei por mais de um mês para segurá-la e é isso é algo que eu vou lembrar para o resto da minha vida. Foi o melhor momento da minha vida”.

Claire ainda conta que estava angustiada no domingo de mãe com medo de “alguma coisa dar errado”.

“Chorei antes que de a enfermeira tirá-la da incubadora. Foi tão especial que eu nunca tinha experimentado nada parecido antes”.

A menina “se aconchegou” no peito da mãe e caiu no sono, conta a escocesa.

“Os enfermeiros verificaram os batimentos cardíacos e temperatura e viram que ela estava bem. Por isso, me deixaram mais tempo que o esperado”.

De acordo com a mãe, ela “é tão pequena, ela que coube na palma de sua mão”.

“Na verdade, quando eu a peguei no meu colo, foi um choque, pois foi nesse momento que percebi que ela era tão pequena. Para mim, ela é perfeita e eu tenho muita sorte”.

A família tem arrecadado dinheiro para ajudar a custear o tratamento de Emily. Segundo Claire, todas suas economias foram gastas com a menina.

Fonte: R7

 

Compartilhar: