Marido pagou R$ 15 mil pelo assassinato da mulher grávida

Rodrigo Cuzzuol teria amarrado a mulher em casa para facilitar ação dos assassinos

Rodrigo Cuzzuol foi preso na última sexta-feira. Foto: Divulgação
Rodrigo Cuzzuol foi preso na última sexta-feira. Foto: Divulgação

A Divisão de Homicídios de Niterói procura os dois prováveis responsáveis por aplicar as facadas que mataram Suelen Salles, de 26 anos, em São Gonçalo, na região metropolitana do Rio. O crime aconteceu em abril e, segundo a polícia, foi realizado a mando de Rodrigo Cuzzuol, marido da vítima, que teria pago R$ 15 mil pelo assassinato.

Suelen estava grávida de seis meses quando foi atacada. A amante de Cuzzuol, Flávia da Silva Ramos, foi a primeira suspeita a ser presa. Na delegacia, ela acusou Cuzzuol pelo planejamento do crime.

O marido da vítima foi preso na última sexta-feira (23). O delegado responsável pelas investigações afirmou que ele pode ter amarrado a mulher, antes de sair de casa, para facilitar a ação dos assassinos.

Cuzzuol e a amante vão responder por homicídio triplamente qualificado.

Fonte: Terra

Compartilhar:
    Publicidade