Marta tenta o hexa na sua 10ª indicação e Neymar busca o bi de gol mais bonito

Jogadora tem cinco troféus, mas não ganha desde 2010. Já o atacante do Barça ganhou o Prêmio Puskas de 2011

Neymar chuta de primeira e marca contra o Japão na Copa das Confederações. Foto:Divulgação
Neymar chuta de primeira e marca contra o Japão na Copa das Confederações. Foto:Divulgação

Dois brasileiros estão na disputa de prêmios da edição 2013 da Bola de Ouro da Fifa, que acontece nesta segunda-feira, em Zurique, na Suíça. Enquanto Neymar busca seu segundo troféu de gol mais bonito do ano, a atacante Marta tenta ser eleita pela sexta vez a melhor jogadora do mundo.

Esta é a 10ª indicação de Marta na premiação. Nas outras nove vezes que ficou entre as três finalistas, a jogadora, que atuamente veste a camisa do Tyresö, da Suécia, conquistou cinco troféus seguidos, em 2006, 2007, 2008, 2009 e 2010 – já são dois anos consecutivos sem ganhar o prêmio.

Além da brasileira, a disputa atual ainda conta com a norte-americana Abby Wambach, indicada outras duas vezes e vencedora em 2012, e a goleira alemã Nadine Angerer, que aparece pela primeira vez entre as três melhores.

Prêmio Puskas, o gol do ano

Neymar está mais uma vez concorrendo ao gol mais bonito do ano – pelo tento anotado contra o Japão, na estreia da Copa das Confederações. Desde que a premiação foi criada, em 2009, o atacante só não foi indicado justamente na primeira edição. De lá para cá, o jogador do Barcelona sempre apareceu entre os finalistas.

Nas três indicações anteriores, Neymar venceu em 2011 pelo golaço anotado no duelo épico contra Flamengo, na Vila Belmiro, que terminou com vitória carioca por 5 a 4. Na ocasião, o camisa 11 santista arrancou pela esquerda, tabelou com Borges, deu um drible espetacular em Ronaldo Angelim e tocou na saída do goleiro Felipe.

Em 2010, Neymar foi um dos 10 indicados pelo gol feito diante do Santo André, pelo Campeonato Paulista daquele ano (vitória por 2 a 1). Já em 2012, a pintura anotada sobre o Internacional, na vitória por 3 a 1 pela Copa Libertadores, ficou entre as três finalistas, na terceira colocação.

Neste ano, a parada é complicada para Neymar. Entre os concorrentes está o favorito Ibrahimovic, que anotou um gol histórico de bicicleta de fora da área, no amistoso da Suécia contra a Inglaterra. O sérvio Matic, do Benfica, é o outro indicado. Internautas puderam votar no site da Fifa

Compartilhar:
    Publicidade