Mecânico é morto com golpes de martelo em São Gonçalo do Amante

A vítima de 47 anos foi encontrada pela mulher enrolada no tapete da sala

Foto: Sérgio Costa/PortalBO
Foto: Sérgio Costa/PortalBO

A polícia investiga a morte de um homem de 47 anos que foi encontrado dentro de casa no bairro Regomoleiro, na cidade de São Gonçalo do Amarante, com ferimentos na cabeça provocados por marteladas. O crime com características de crueldade aconteceu na noite desta quinta-feira (21), na Rua Extremoz e está envolto em um mistério.

De acordo com a polícia a vítima identificada como José Janilson Rabelo trabalhava como mecânico industrial na empresa Guararapes e não tinha envolvimento com práticas ilícitas, o que deixa a todos intrigados, com a violência a qual José foi submetido.

Segundo o soldado Jonas Miranda, que chefiou o isolamento do local do crime, a arma usada pelo criminoso ficou encravada na cabeça da vítima que possivelmente não teve tempo de reação. “Uma cena muito forte que a polícia civil deverá explicar no tempo certo quem foi capaz de tamanha crueldade”, disse.

O policial ainda informou para a reportagem que já esteve na residência anteriormente quando registrou uma ocorrência envolvendo um enteado da vítima que é envolvido com drogas, no entanto prefere não relacionar tal fato com o assassinato. A equipe da delegacia especializada de homicídios fez um levantamento minucioso para colher o máximo de informações sobre o crime que será investigado naquela mesma especializada.

A mulher de José chegou em casa por volta das 18h e encontrou o corpo do marido estendido no meio da sala, Magna Rabelo não teve condições de falar sobre o crime e de tão abalada teve que ser atendida por socorristas do SAMU. Uma irmã da vítima relatou que todos da família estavam chocados com tragédia e que iriam esperar as investigações para se manisfestar.

Fonte: Portal BO

Compartilhar: