Médico acusado de 52 estupros lidera lista de recompensa da polícia de SP

Secretaria da Segurança Pública divulga o nome dos maiores procurados pela polícia e o valor da recompensa por cada um

Roger Abdelmassih, condenado a 278 anos de prisão. Informações serão recompensadas com R$ 10 mil. Foto: Reprodução
Roger Abdelmassih, condenado a 278 anos de prisão. Informações serão recompensadas com R$ 10 mil. Foto: Reprodução

A Secretaria da Segurança Pública (SSP) e o Instituto São Paulo Contra Violência (ISPCV) divulgaram nesta quarta-feira (2) a lista dos suspeitos mais procurados do Estado e as recompensas para denúncias que levem à prisão deles.

Segundo a SSP, a recompensa por informações que levarem à prisão de Roger Abdelmassih, condenado a 278 anos de prisão por 52 estupros e atentados ao pudor contra pacientes, é de R$ 10 mil.

A lista completa pode ser acessada no site WebDenúncia, da Secretaria da Segurança Pública em parceria com o Instituto São Paulo Contra a Violência (ISPCV), e as informações sobre o paradeiro dos indiciados devem ser encaminhadas diretamente pelo site. O sigilo, garante a polícia, é absoluto.

Para receber a recompensa, o denunciante precisa encaminhar informações que contribuam de maneira relevante para a polícia esclarecer um crime – ou seja, dados que resultem na identificação do autor ou na localização e prisão do procurado pela Justiça.

As informações dadas pelo denunciante são repassadas aos policiais civis e militares que atuam no WebDenúncia, que encaminham as informações às equipes responsáveis pelas investigações.

A importância de informações para o Programa Estadual de Recompensa é analisada de acordo com cada caso denunciado. A decisão final sobre o pagamento da recompensa fica a cargo do secretário da Segurança Pública.

Fonte: IG

Compartilhar: