Médicos de Natal em greve realizam manifestação nesta quinta

A paralisação é um direito do trabalhador e cobra incorporação das gratificações aos salários base até 2015 e melhores condições de trabalho

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

A greve dos médicos vinculados à prefeitura de Natal permanece por tempo indeterminado. A categoria decidiu, em assembleia realizada na última segunda-feira, no Sindicato dos Médicos do RN, dar início as manifestações que marcam a retomada do movimento. A primeira acontece nesta quinta-feira (24), a partir das 10h, em frente à Maternidade das Quintas.

Até esta quarta-feira (23) o Sinmed-RN não recebeu notificação judicial determinando a ilegalidade da greve, conforme pedido à justiça pela Procuradoria Geral do Município. A paralisação dos médicos é um direito do trabalhador e cobra a incorporação de parte das gratificações aos salários base até 2015 e melhores condições de trabalho urgente.

Dentre as reivindicações está a reabertura da Maternidade Leide Morais, na Zona Norte de Natal, que já foi adiada 3 vezes; e a reorganização da central de regulação da Secretaria Municipal de Saúde, responsável pelo processo de marcação de consultas, exames e cirurgias eletivas. De acordo com depoimentos de profissionais o tempo de espera pela realização dos procedimentos é muito longo e dificulta os trabalhos.

As negociações com o município estão paralisadas, desde o último dia 16 o Sinmed-RN enviou ofício solicitando audiência com Secretaria Municipal de Saúde e com o prefeito de Natal e não obteve resposta.

Serviço:

Manifestação da Greve dos Médicos de Natal

Local: Maternidade das Quintas

Data: 24/07

Hora: 10h

Compartilhar:
    Publicidade