Messi chega a 401 gols marcados e Barcelona segue na cola do líder

Argentino marcou duas vezes ontem em jogo do espanhol

Messi recebe abraço de Neymar; Barcelona segue firme na luta pela taça. Foto: Divulgação
Messi recebe abraço de Neymar; Barcelona segue firme na luta pela taça. Foto: Divulgação

Neste sábado, o Barcelona não teve dificuldade para superar o Real Bétis por 3 a 1, no Camp Nou, pela 32ª rodada do Campeonato Espanhol. Os gols foram marcados por Lionel Messi, duas vezes, e Jordi Figueira (contra). Rubén Castro descontou para os visitantes. O resultado deixa os catalães na disputa pelo título, a apenas um ponto do líder Atlético de Madrid, que também venceu.

Neymar, destaque no empate por 1 a 1 no meio da semana, diante do próprio Atlético, pela ida das quartas de final da Liga dos Campeões, entrou em campo apenas aos 33min e não teve tempo de repetir a boa atuação anterior. Mesmo assim, participou da jogada do terceiro gol catalão.

Do outro lado, o Bétis segue na laterna e com a situação cada dia mais complicada. Agora, a equipe está a nove pontos do primeiro clube fora da zona da degola, o Getafe. Na próxima jornada faz um clássico regional contra o Sevilha, quinto colocado e em busca de confirmar a vaga à Liga dos Campeões da próxima temporada.

Enquanto isso, o Barcelona vai até Granada encarar o time da cidade, que figura no meio da tabela de classificação e não tem maiores pretensões na temporada. Neste sábado, o time azul-grená criou a primeira boa chance logo aos 10min. Adriano cruzou, Xavi pegou de primeira e quase fez um golaço, que foi evitado pelo goleiro.

Pouco depois, Sanchéz fez jogada na área, driblou alguns rivais e acabou sendo derrubado. O juiz marcou pênalti. Lionel Messi cobrou com categoria e chegou ao 24º gol no Campeonato Espanhol, o de número 400 da carreira.

Aos 19, Adriano cruzou a bola rasteira e viu Sánchez e Dani Alves se esticarem sem sucesso. Aos 40, Messi passou por dois e chutou colocado. A redonda passou muito perto da meta do Bétis, que nada criou nos 45 minutos iniciais. Na volta do intervalo, o Barcelona mandou uma bola no travessão logo aos quatro minutos, após cobrança de falta de Xavi.

Aos 21, Adriano tentou fazer um lançamento rasteiro para a área e Jordi Figuera, do Bétis, desviou com um carrinho, mandando, sem querer, a bola para o fundo das redes da própria equipe. Os companheiros de clube não se abateram e responderam ao gol contra. Aos 23, Rubén Castro recebeu cruzamento e finalizou para diminuir, sem chances para Pinto.

Messi ainda teve tempo de fazer mais um aos 40min, o de número 401. Neymar cruzou, a bola bateu na mão de Juanfran e o árbitro marcou mais um pênalti. De novo o argentino bateu, mas, dessa vez, o goleiro defendeu. No rebote, o camisa 10 tocou para o fundo das redes.

Fonte: Terra

Compartilhar: