Messi é eleito Bola de Ouro; Neuer é melhor goleiro; E Neymar, com bronze

Eleito o melhor do mundo em quatro oportunidades, Messi agora terá de esperar mais quatro anos para tentar quebrar o jejum de títulos

tru56u356u

A Fifa escolheu o argentino Lionel Messi como melhor jogador da Copa do Mundo de 2014. O camisa 10 da equipe sul-americana não conseguiu evitar a derrota por 1 a 0 para a Alemanha, na prorrogação, na final do Mundial de 2014, mas mesmo assim recebeu a honraria na tribuna do Maracanã, com olhar abatido, logo após a derrota dentro de campo em partida, em que esteve apagado – ao lado do argentino estava o goleiro alemão Manuel Neuer, eleito o melhor da posição na Copa. Thomas Müller foi eleito o segundo melhor jogador, enquanto Arjen Robben ficou com a terceira posição.

Autor de quatro gols, todos na primeira fase, Messi foi decisivo contra a Suíça, mas foi parado pelas marcações nos últimos três jogos do Mundial. Diante da Alemanha, teve uma chance clara no segundo tempo, mas desperdiçou o lance.

Chateado com o vice-campeonato, Messi não chorou ao final da partida, porém se manteve o tempo inteiro em silêncio e sem conversar com os companheiros. O craque recebeu o troféu das mãos do presidente da Fifa, Joseph Blatter, mas o ergueu de maneira discreta.

Eleito o melhor do mundo em quatro oportunidades, Messi agora terá de esperar mais quatro anos para tentar quebrar o jejum de títulos da Argentina em Mundial, que dura desde 1986. A conquista é a última que resta ao meio-campista, que já faturou todos os títulos possíveis e prêmios individuais pelo Barcelona, mas que segue sem conquistas como profissional pela seleção de seu país.

Por sua vez, o alemão Manuel Neuer foi eleito o melhor goleiro, superando o argentino Sergio Romero e Keylor Navas, da Costa Rica.

Na decisão do júri da Fifa de melhor jogador, estiveram presentes os outros nove atletas de linha abaixo:

Neymar (Brasil)
Javier Mascherano, Ángel Di María (Argentina)
James Rodríguez (Colômbia)
Arjen Robben (Holanda)
Matt Hummels, Toni Kross, Philip Lahm, Thomas Müller (Alemanha)

 

Fonte: Terra

Compartilhar: