Movimento protesta contra Ronaldo e Copa na sede da 9ine

A assessoria de imprensa da 9ine disse que o protesto foi tranquilo e que é válido, desde que não haja violência

Movimento Juntos! protestou na frente da agência 9ine. Foto: Divulgação
Movimento Juntos! protestou na frente da agência 9ine. Foto: Divulgação

Cerca de 30 jovens estiveram em frente ao escritório da agência 9ine nesta quinta-feira, cujo proprietário é o ex-jogador Ronaldo, localizada na zona Oeste de São Paulo, para protestar contra suas recentes declarações sobre a Copa do Mundo realizada no Brasil. O movimento, intitulado de Juntos!, não gostou dos argumentos do ex-jogador sobre a construção de hospitais para o Mundial e também sobre  “baixar o cacete nos vândalos”.

“Fizemos esse protesto para demonstrar o repúdio contra suas declarações. Para nós, isso foi um descaso e desrespeito com a população”, disse Camila Souza, integrante do movimento.

Sob palavras de ordem que diziam “Ô Ronaldo, preste atenção, povo não quer estádio, quer saúde e educação”, os manifestantes fizeram intervenções com tinta no asfalto e na calçada contra a Fifa.

Camila diz que o movimento respeita a história do atleta, mas que isso não é o suficiente. “Nós o respeitamos muito, mas não podemos ser campeões só dentro de campo. Queremos ser campeões também fora dele”.

Sobre a última declaração de Ronaldo, que “teria que baixar o cacete nos vândalos”, Camila diz que não é assim que funciona. “Não é assim que vamos resolver a falta de direitos. Afinal, estamos indo para rua manifestar por nossos direitos. Foi esse nosso intuito”, disse.

A assessoria de imprensa da 9ine disse que o protesto foi tranquilo e que é válido, desde que não haja violência. “Foi um protesto tranquilo e pacífico. Não tivemos problemas nenhum, eles vieram, fizeram e foram embora. Eles estavam no direito deles. Não teve depredação, nem nada, quem dera todas as manifestações fossem assim”, finalizou.

Compartilhar: