Mulher é presa por manter filha deficiente em cárcere privado na baixada

Menina tinha feridas com insetos

Marlucia de Souza negou que tenha feito mal à filha. Foto: Divulgação
Marlucia de Souza negou que tenha feito mal à filha. Foto: Divulgação

Policiais da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher de Duque de Caxias prenderam, na madrugada desta quarta-feira (9), Marlucia Rodrigues de Souza pelo crime de cárcere privado e maus tratos. Ela mantinha a sua filha, que tem deficiência mental, em cárcere privado e a maltratava há 19 anos.

Segundo os agentes, a jovem estava em estado de subnutrição e com diversas feridas necrosadas pelo corpo, inclusive com larvas de inseto. Ainda segundo as informações, os vizinhos não tinham conhecimento da existência da jovem.

Marlucia foi presa na sua residência, em uma comunidade conhecida como Lixão, em Duque de Caxias.

Fonte: R7

Compartilhar:
    Publicidade