Mulher encontrada enterrada em Mossoró é reconhecida por tatuagem e roupas

Pai do filho de Nayara é um dos suspeitos pela morte da jovem

Foto: O Câmera
Foto: O Câmera

Familiares de “Ingrid Nayara dos Santos”, de 22 anos de idade, compareceram ao ITEP na manhã desta terça-feira para fazer o reconhecimento do corpo que foi encontrado enterrado na zona rural de Baraúna na ultima sexta feira (25).

A família reconheceu o corpo como sendo de Nayara através da tatuagem, de dois anéis e das peças de roupas. As provas materiais, pessoais e os argumentos da família oferecendo detalhes minuciosos da vítima, convenceram o medico legista do ITEP que decidiu pela liberação do corpo para a família, porém existem ainda alguns detalhes que dependem da Delegacia de Baraúna, onde o caso está sendo investigado.

Segundo informações, a Delegada da cidade de Baraúna e sua equipe de investigadores localizaram o possível acusado e sua prisão seria de fundamental importância para a identificação e liberação do corpo da jovem. O encontro dos investigadores com o médico legista e a família da moça está marcado para a manhã de hoje, na sede do ITEP de Mossoró.

O caso será acompanhado pelo Bacharel Clayton Pinho, titular da Delegacia de Homicídios de Mossoró. Nayara tinha uma criança com o acusado, mas estava separada. Ele mora na Agrovila Oziel, na Maísa, e no último dia 17 teria tentado uma aproximação com ela. Os dois saíram no dia seguinte dizendo que iriam para a residência de familiares dele em Baraúna e a moça desde então não foi mais vista.

 

Local onde a moça estava enterrada. Foto: O Câmera
Local onde a moça estava enterrada. Foto: O Câmera

Fonte:O Câmera

Compartilhar: