Na terceira inauguração, prefeito de Natal culpa Micarla por abandono do Parque da Cidade

Obra assinada por Oscar Niemeyer foi reinaugurada justamente no Dia Mundial do Meio Ambiente

Parque-da-Cidade-inauguracao-WR

Carolina Souza

acw.souza@gmail.com

Fotos: Wellington Rocha

Fechado há mais de cinco anos, o Parque da Cidade Dom Nivaldo Monte, na zona Sul de Natal, foi reaberto ao público para visitação na manhã desta quinta-feira (5) em comemoração à Semana do Meio Ambiente. A recuperação do espaço foi iniciada em agosto do ano passado e custou cerca de R$ 3,6 milhões. O Parque será administrado pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Urbanismo (Semurb) e pela Funcarte.

O espaço, que serve de ponto turístico, cultural e de lazer, ocupa 132 hectares entre os bairros de Candelária, Cidade Nova e Pintimbu. Obra do arquiteto Oscar Niemeyer, o Parque foi idealizado na primeira gestão de Carlos Eduardo Alves como prefeito de Natal e inaugurado em 2008, no final de seu mandato, com o custo total de R$ 22 milhões. Com poucos meses de funcionamento, a então prefeita Micarla de Sousa optou por fechar o local, alegando haver problemas de segurança apontados pelo Corpo de Bombeiros.

“Nosso Parque da Cidade foi fechado criminosamente e dilapidado pela minha antecessora [Micarla]. Tenho hoje como graça de Deus, no dia do meu aniversário, esse grande presente, que é devolver o Parque à população de Natal”, disse Carlos Eduardo durante a solenidade de reinauguração, a terceira desde a primeira vez que a obra foi concluída. “A reabertura está me dando a condição de destravar minha garganta, fechada nesses últimos cinco anos”.

Para ser reaberto, o Parque da Cidade precisou passar por reestruturação dos sistemas elétricos, hidráulicos e de combate à incêndio, bem como nas áreas de passeio público e dos acessos ao teleférico. A nova estrutura ainda possui uma biblioteca, auditório para eventos culturais e Escola de Educação Ambiental.

Parque-da-Cidade-inauguracao-WR-2

“Em todas as partes do mundo está sendo celebrado o Dia do Meio Ambiente, que também é a grande preocupação da humanidade. Este Parque da Cidade agora contempla a primeira Escola de Educação Ambiental do Rio Grande do Norte, que funcionará durante todo o ano letivo das escolas e universidades para que nossos alunos possam estudar o meio ambiente como um todo, aprender, se educar e reeducar o próximo”, destacou o prefeito.

Na presença de vereadores e de quase todo o secretariado, Carlos Eduardo ainda se emocionou ao relembrar a tentativa de criar o Parque com a assinatura do renomado arquiteto Oscar Niemeyer, que, segundo o prefeito, aceitou criar o monumento sem nenhum custo para a cidade.

O secretário de Meio Ambiente e Urbanismo, Marcelo Toscano, informou que a Semurb ficará responsável pela estrutura administrativa do Parque da Cidade Dom Nivaldo Monte. O local será aberto ao público diariamente, entre às 5h e 18h. “Esporte. Lazer, cultura, Escola de Educação Ambiental. A população de Natal e os turistas terão um espaço completo para ser aproveitado em momentos de lazer”, afirmou.

Segundo Marcelo, todas as estruturas estão prontas, restando pequenos retoques a serem concluídos até a próxima semana. “Neste momento o Parque está sendo reaberto e entregue à população de Natal. Temos o Memorial da Cidade de Natal, contando sua época pré-histórica e contemporânea, além de diversos outros atrativos. O maior ganho de Natal é poder apreciar e preservar esse espaço”, destacou.

A obra de Oscar Niemeyer pode ser vista de longe e de várias partes das zonas Sul e Oeste da cidade, com sua torre de 45 metros de altura, o equivalente a um prédio de 15 andares. Na torre, três elevadores levam os visitantes a um memorial, para a exibição de fotos e vídeos que contam a história da cidade.

Transporte Público

Os visitantes que vão ao Parque da Cidade podem ter acesso ao local por meio do transporte público, segundo divulgou a Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (Semob). Os usuários poderão utilizar as linhas 24 – Planalto/Ribeira, via Avenida Prudente de Morais; Planalto/Praia do Meio, via avenida Hermes da Fonseca; 33B – Planalto/Lagoa Seca, via avenida Prudente de Morais. Os moradores das demais regiões da cidade poderão seguir para o Parque da Cidade utilizando o sistema de integração.

Compartilhar:
    Publicidade