Não dá mais – Danilo Sá

Primeiro morreu um motorista de ônibus. Dias depois um taxistas. Já são dezenas de arrastões. Reféns sendo sequestrados no meio…

Primeiro morreu um motorista de ônibus. Dias depois um taxistas. Já são dezenas de arrastões. Reféns sendo sequestrados no meio da manhã, na porta de banco, na saída do trabalho. Assaltos a mão armada constantes. E o tráfico de drogas ocorrendo livremente em locais de conhecimento de todos, como é o caso de Mãe Luiza e Felipe Camarão.

Não dá mais. O povo potiguar precisa se rebelar contra a dura realidade a que está submetido e exigir uma posição firme do governo. Até quando os responsáveis pela segurança pública permitirão que a bandidagem tome conta da cidade sem serem, ao menos, incomodados pela Polícia?

As ações divulgadas para enfrentar o caos chegam a beira da ridicularização. Ora, desde quando realizar blitzens de ônibus vai inibir por completo o assalto aos veículos? Impossível. Pior, onde já se viu anunciar a presença de policiais à paisana nestes transportes? Não há PM nem para ocupar as ruas, imagine para cada ônibus.

Pela milésima vez anunciam também a vigilância total da região litorânea, a mais frequentada pelos turistas. Dizem que câmeras serão espalhadas por todos os lados. A mesma coisa também foi prometida para o bairro do Alecrim, há algum tempo. Nada foi feito até hoje. Conversa para boi dormir.

A gestão da segurança pública, com todo o respeito aos que estão no setor atualmente, vai de mal a pior. Não há pulso para encarar os problemas, para cobrar investimentos da governadora e para mandar os policiais irem as ruas matar bandidos. Fica tudo por isso mesmo e os crimes se acumulando. É preciso dar um basta.

OTIMISMO

Quem acompanhou a visita do presidenciável Aécio Neves na fábrica da Guararapes ficou impressionado com a forma como o tucano foi recebido pelos funcionários da empresa. A animação era generalizada. Também chamou a atenção a idolatria que o pessoal por lá tem em relação ao empresário Nevaldo Rocha, que tinha até seu nome gritado pelos empregados.

EMPREENDEDORISMO

A presença de Aécio em uma das maiores fábricas do país, instalada no Nordeste, certamente servirá de mote para algum programa eleitoral da sua campanha. O candidato a presidente aposta na imagem de bom administrador, gerador de emprego, apoiador do empreendedorismo. Aliás, na coletiva de imprensa Aécio abordou exatamente esta questão.

ALIANÇAS

O candidato a governador Henrique Eduardo Alves fez questão de acompanhar Aécio Neves até o aeroporto, antes de sua partida de Natal. Antes previso para recepcionar o tucano, a agenda do peemedebista o impediu de chegar a tempo da sua chegada. A intenção do peemedebista é mostrar, mais uma vez, que não tem radicalismos e possui diálogo com todas as forças. É a luta.

SOPA DE NÚMEROS

Mais uma pesquisa publicada e, novamente, mais dúvidas jogadas na cabeça do eleitor. Certamente, na próxima semana, um novo levantamento surgirá com outros números, bem diferentes dos revelados hoje pelo Instituto Seta. E tudo ficará por isso mesmo. Ora, até quando o Tribunal Superior Eleitoral fará vista grossa para essa verdadeira farra das pesquisas?

GIRA MUNDO

Essa é boa. Está na Folha de São Paulo de hoje. Uma moradora do sertão da Bahia recebeu dentes novos um dia antes de gravar imagens com a presidente Dilma Rousseff, nesta quinta-feira (21), para a propaganda eleitoral de sua campanha à reeleição.A trabalhadora rural Marinalva Gomes Filha (foto), 46 anos, mora em Paulo Afonso e é beneficiária do programa Água para Todos. A própria mulher confirmou a informação, dizendo que recebeu a prótese com dois dentes da frente dada por Dilma.

TUDO IGUAL

Em tempo: segundo o novo levantamento, tanto a disputa para o governo do Estado quanto para o Senado estariam tecnicamente empatadas. Mas, neste segundo duelo, a deputada Fátima Bezerra já teria um percentual bem pequeno a frente de Wilma. Os números são Henrique com 29%, Robinson com 27%, Fátima com 29% e Wilma com 25%. D0 etalhe importante, o levantamento foi feito apenas em Natal.

TRABALHO

Chega até a coluna a notícia de que tem comissão interna na Câmara Municipal sem ter realizado nenhuma reunião durante este ano. Pois é, talvez o pessoal esteja muito ocupado com outros afazeres. Uma delas é a Comissão de Ciência e Tecnologia, presidida pelo vereador Hugo Manso (PT). Mas dizem haver outras também.

CARIDADE

Esta semana foi marcada pelo Dia do Maçom. E, para celebrar a data, todas as Maçonarias realizaram um movimento para arrecadar doações. Cada um dos maçons doou uma cesta básica, que será destinada ao Armazém da Caridade. Ao todo, a campanha conseguiu reunir 200 cestas. O material será entregue amanhã a instituição, às 9 horas.

Uma boa notícia para o turismo do Rio Grande do Norte: até a segunda quinzena do mês de setembro próximo, deverão ser iniciadas as obras de construção do teleférico de Santa Cruz, município potiguar que atualmente se insere entre os principais pólos do turismo religioso do Brasil. Para a execução da primeira fase do projeto já estão disponívels R$ 4,8 milhões.

 

Compartilhar:
    Publicidade