Natal aguarda navio com mil italianos para assistir à Copa do Mundo

Porto recebeu duas consultas de cruzeiros com bandeiras internacionais para o período da Copa do Mundo

Rio-Potengi-JA

Carolina Souza

acw.souza@gmail.com

A Companhia Docas do Rio Grande do Norte (Codern) está prestes a confirmar a vinda de um cruzeiro italiano para Natal durante a Copa do Mundo. Segundo o diretor-presidente da Companhia, Pedro Terceiro de Melo, cerca de mil turistas italianos deverão atracar no Porto de Natal em junho. A seleção da Itália enfrentará os uruguaios no estádio Arena das Dunas no dia 24 de junho, marcando o encerramento da participação da capital potiguar na realização do mundial de futebol.

“Fomos consultados por uma agência para saber se o navio poderá estacionar no Porto neste período de 15 a 18 de junho. Não vimos nenhum problema que pudesse impedir a chegada do cruzeiro, como aconteceu com a embarcação mexicana que pretendia desembarcar em Natal. Mantemos a intenção de receber o cruzeiro italiano. Resta apenas a confirmação da agência de turismo”, disse o presidente da Codern.

Segundo informou Pedro Terceiro de Melo, as dimensões do navio italiano, 244 metros de comprimento por 42 de altura, não apresentam problemas ao Porto de Natal, já que passa tranquilamente pela Ponte Newton Navarro. Sobre o cruzeiro de mexicanos, o diretor da Codern informou que aguarda resposta do MSC Divina para saber se o navio aportará no Porto de Natal. A altura da Newton Navarro, de 55 metros de altura, é um entrave para que a decisão seja tomada.

O Porto de Natal chegou a apresentar a alternativa de aplicar a prática de fundeio, onde os passageiros desembarcariam à duas milhas do porto e chegariam ao terminal de passageiros em embarcações próprias dos navios. Este percurso seria feito em 15 minutos.

“Apresentamos essa alternativa, mas ainda não tivemos nenhum retorno da agência de turismo que pretende trazer os mexicanos. Pela ausência de uma resposta, acredito que eles fiquem com a opção de fazer o translado dos mexicanos do Porto de Recife à Natal através de ônibus. Acho essa opção arriscada. Imagino que bom senso deveria prevalecer”, disse. “Ainda temos um tempo até a Copa do Mundo. Não vamos nos precipitar ainda e esperar que eles voltem a falar conosco”, afirmou Pedro.

O presidente do Sindicato dos Práticos do Porto de Natal, Sebastião Leite, disse a O Jornal de Hoje que o Porto recebeu duas consultas de cruzeiros com bandeiras internacionais para o período da Copa do Mundo, sendo uma para o navio Princendan, com 204 metros de comprimento, e outra para o navio Seven Seas Mariner, com 217 metros de comprimento. Ambos os navios chegam a comportar, juntos, mais de três mil tripulantes.

Compartilhar: