Nomes do futebol potiguar incentivam estudantes a torcer pela Seleção Brasileira

Na palestra, os ex-jogadores falaram sobre suas histórias, a Copa do Mundo de Futebol, além de autografar camisas, relembrando os tempos de auge da carreira

torcida3

Há poucos dias da Copa do Mundo, estudantes do Complexo Educacional Contemporâneo receberam a visita de três nomes do futebol potiguar, Mário Braga, Edson Gomes da Silva e Ribamar Cavalcante. Eles incentivaram os jovens da escola a participar desse momento histórico que o país está prestes a sediar torcendo pelo Brasil.

Mário Braga é ex-jogador do América Futebol Clube conquistando o título de campeão da Taça Almir em 1973 e dois anos depois o campeonato potiguar. Já Edson Gomes, mais conhecido como Capitão Edson é ex-jogador do ABC Futebol Clube e conquistou o tetracampeonato estadual em 1970, 71, 72 e 73. E Ribamar Cavalcante, também ex-jogador, é comentarista esportivo e pesquisador conceituado do futebol do estado.

Os ex-atletas tiveram uma recepção calorosa dos estudantes, que ficaram ainda mais animados em torcer pela seleção. “Sempre gostei de futebol, ainda mais agora depois de conhecer essas personalidades do esporte potiguar, vou torcer muito pelo Brasil”, revela o jovem Bruno Andrade, de 9 anos .

Na palestra, os ex-jogadores falaram sobre suas histórias, a Copa do Mundo de Futebol, além de autografar camisas, relembrando os tempos de auge da carreira. “O estímulo que está sendo dado é fundamental para motivar os jogadores, pois a torcida faz toda a diferença para quem está em campo”, diz Mário Braga. Os estudantes também fizeram um minuto de silêncio em homenagem a Marinho Chagas, que iria participar do evento. O craque faleceu no último domingo, em João Pessoa.

“Alguns dos nossos estudantes vão acompanhar pela primeira vez uma Copa do Mundo, portanto queremos que eles vivam esse momento sabendo principalmente da importância memorável que o Mundial significa. Ficamos felizes em despertar esse sentimento do amor ao esporte e juntos, vestiremos a camisa da Seleção Brasileira fazendo uma grande torcida a favor do hexacampeonato”, destaca a diretora do Contemporâneo, Professora Irany Xavier de Andrade.

Compartilhar:
    Publicidade