Conta instantânea da Cosern é ampliada para mais 44 municípios do RN

A implantação do novo sistema iniciou no fim de 2013 e ocorre gradativamente, devendo chegar a todo RN no final de 2014

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

A partir de hoje, quarta-feira (02/07), o novo sistema de coleta, processamento e impressão da conta de energia elétrica contemplará mais 44 municípios potiguares, abrangendo 104 municípios em todo o Rio Grande do Norte. Isso representa a inclusão de mais 132 mil clientes das regiões Oeste e Alto-Oeste que serão beneficiados com o faturamento instantâneo da conta de luz, totalizando mais de 640 mil unidades consumidoras no Estado.

A implantação do novo sistema, que iniciou desde o fim do ano passado, está ocorrendo de forma gradativa e deverá chegar a todo estado até o final deste segundo semestre de 2014.

Nesta etapa do projeto, estão sendo contemplados os municípios de: Água Nova, Alexandria, Almino Afonso, Antônio Martins, Apodi, Campo Grande, Caraúbas, Coronel João Pessoa, Doutor Severiano, Encanto, Felipe Guerra, Francisco Dantas, Frutuoso Gomes, Itaú, Janduís, João Dias, José da Penha, Lucrécia, Luiz Gomes, Major Sales, Marcelino Vieira, Martins, Messias Targino, Olho D’Água dos Borges, Paraná, Patu, Pau dos Ferros, Pilhões, Portalegre, Rafael Fernandes, Rafael Godeiro, Riacho da Cruz, Riacho de Santana, Rodolfo Fernandes, São Francisco do Oeste, São Miguel, Serrinha dos Pintos, Severiano Melo, Taboleiro Grande, Tenente Ananias, Triunfo Potiguar, Umarizal, Venha Ver e Viçosa.

A adoção do novo procedimento ocorre simultaneamente na Cosern e nas outras distribuidoras do Grupo Neoenergia – Coelba (BA) e Celpe (PE). No total, o Grupo investiu R$ 61 milhões na compra de equipamentos, capacitação dos profissionais envolvidos e implantação de todo o sistema nas três empresas.

Agilidade e praticidade – na prática, o novo sistema permite uma única visita mensal ao cliente que recebe a fatura, em novo formato, imediatamente após a leitura do medidor. O procedimento assegura maior agilidade e praticidade no processo de leitura e faturamento, e minimiza extravios da conta de energia, sem perder a qualidade e garantindo a confiabilidade dos valores.

Para fazer a coleta do consumo do cliente, os leituristas utilizam um equipamento especial chamado PDA (personal digital assistant). A tecnologia pode funcionar tanto on-line quanto off-line, a depender do sinal de telefonia celular que é o meio de comunicação utilizado. Os leituristas utilizam um kit com coletor de dados e impressora térmica. O processo é simples: basta inserir a leitura mensal e o sistema faz o restante. O papel é especial, com proteção contra água, que preserva os dados impressos. O novo formato da fatura mantém todas as informações contidas no modelo de conta anterior.

Os equipamentos são rastreados 24 horas por dia. Em caso de extravio ou perda, será enviado um comando de bloqueio ao aparelho, inviabilizando o seu uso para qualquer outro fim. Mesmo bloqueado, o aparelho irá emitir sinal para o servidor da empresa que identificará a localização geográfica do equipamento.

Compartilhar:
    Publicidade