OAB/RN define ato público contra falta de segurança pública no RN nesta quarta

Somente neste ano já houveram 363 homicídios

 “Temos que sugerir ações para contribuir com a redução dos números a curto, médio e longo prazo”., disse o presidente da OAB/RN, Sérgio Freire.
“Temos que sugerir ações para contribuir com a redução dos números a curto, médio e longo prazo”., disse o presidente da OAB/RN, Sérgio Freire.

A Ordem dos Advogados do Brasil no Rio Grande do Norte realizará nesta quarta-feira (02), às 17h, na sede da Seccional Potiguar, reunião com representantes da sociedade civil organizada para definir ato público contra a falta de segurança no EstadoConforme o advogado Marcos Dionísio, integrante da Comissão de Direitos Humanos, o aumento da violência é alarmante. “Em 2013, ocorreram em torno de 578 homicídios só em Natal, apenas 9 pessoas respondem na justiça pelos crimes contra a vida ocorridos no ano passado. Neste ano, já se registra 363 mortes”, destaca.

Durante o mês de março, o presidente da OAB/RN, Sérgio Freire, esteve reunido com representantes da sociedade civil discutindo a falta de segurança pública. Conforme Freire, são vários os fatores que contribuem para o aumento da violência. “Temos que sugerir ações para contribuir com a redução dos números a curto, médio e longo prazo”.

Participam das discussões, entre outros, representantes da Defensoria Pública, Conselho Regional de Psicologia e Engenharia, Sindicato do Setor Imobiliário, CDL, Centro de Referências de Direitos Humanos da UFRN, Igreja Católica, Associação de Delegados de Polícia Civil e Fecomércio.

 

Compartilhar: