Organizadas do Fla protestam contra ingresso caro e não entram no Maracanã

As organizadas ainda reforçaram que não pretendem ingressos gratuitos ou benefícios, mas sim "preços justos para a torcida".

Organizadas rubro-negras não concordam com o preço de R$ 60 para um jogo sem grande importância. Foto:Divulgação.
Organizadas rubro-negras não concordam com o preço de R$ 60 para um jogo sem grande importância. Foto:Divulgação.

O preço dos ingressos para jogos do Flamengo voltou a causar uma grande polêmica. Neste domingo, no primeiro jogo do time em 2014, as torcidas organizadas do Rubro-negro se juntaram em forma de protesto do lado de fora do Maracanã e resolveram não entrar no estádio para o jogo contra o Audax, na estreia do Campeonato Carioca.

Segundo os representantes da torcida, as organizadas rubro-negras não concordam com o preço de R$ 60 (ingresso mais barato) para um jogo sem grande importância.

Logo no início da partida a ausência das organizadas já era sentida. Com a bola rolando, poucos gritos eram escutados no Maracanã

Em comunicado divulgado na noite do último sábado, a Associação das Torcidas Organizadas do Flamengo (Atorfla) convocou os rubro-negros para um protesto pacífico.

De acordo com a associação, a diretoria havia justificado o aumento nos jogos de 2012 pela relevância de alguns jogos decisivos e importantes na temporada. A associação entende que um jogo de Campeonato Carioca com time reserva não deveria ter preços semelhantes.

As organizadas ainda reforçaram que não pretendem ingressos gratuitos ou benefícios, mas sim “preços justos para a torcida”.

Procurado pela reportagem para comentar o caso, a diretoria do Flamengo disse que “respeita o protesto, mantém um bom relacionamento com todas as torcidas e acredita que os preços para o jogo deste domingo são justos”.

Confira a nota oficial divulgada pelas torcidas do Flamengo:

“A ATORFLA junto a suas filiadas, decidiu em consenso que não iremos entrar nesse jogo de domingo contra o Audax-RJ no Maracanã, como protesto pelo preço abusivo do ingresso cobrado nesse jogo de Campeonato Carioca, portanto amanhã não haverá nenhuma torcida organizada no Maracanã.

Entendemos e sabemos da nossa importância na questão da beleza do espetáculo, assim como no apoio ao time durante os 90 minutos com nossas baterias e cânticos de apoio, porém assim como ocorreu no Estadual do ano passado, os preços cobrados estão fora da realidade dos torcedores que assim como nós, assistirão 3 jogos por semana, domingo, quarta e sábado, fora as demais despesas.

Quando nos foi falado que o preço do ingresso da final da Copa do Brasil contra o Atlético-PR foi aumentado em razão da importância da partida, por ser uma final, não entendemos pelo mesmo motivo um jogo contra o Audax-RJ valer os mesmos R$60,00 de jogos do Campeonato Brasileiro contra Cruzeiro e Corinthians por exemplo.

E sem contar que nem mesmo o C.R. do Flamengo está dando a mesma importância ao “Cariocão 2014″ visto que irá escalar uma equipe totalmente reserva amanhã.

O que a ATORFLA deseja? Um preço justo para que todos os torcedores possam acompanhar o time e nós possamos estar presentes em todos os jogos fazendo o que mais gostamos, apoiar o C.R. do Flamengo.

Não queremos ingressos de graça, nenhuma vantagem com esse movimento, apenas pagar um preço justo pelo “espetáculo” que nos será oferecido!

Estaremos apoiando sim, porém do lado de fora do Maracanã, onde o preço nos permite ficar.
Contamos com todos vocês pra fazermos uma bonita festa do lado de fora

ATORFLA
Associação das Torcidas Organizadas do Flamengo”

Fonte:UOL

Compartilhar:
    Publicidade