Pai com câncer terminal faz ‘caixa de memórias’ para filhos

Andrew Hickie, 42 anos, tem expectativa de vida de apenas dois meses e prepara sua despedida da família

Andrew e seus dois filhos; ele foi diagnosticado com câncer terminal. Foto: Divulgação
Andrew e seus dois filhos; ele foi diagnosticado com câncer terminal. Foto: Divulgação

Um britânico de 42 anos, diagnosticado com câncer terminal, está preparando seu próprio funeral e uma “caixa de memórias” com fotos e bilhetes para deixar para seus filhos, de seis e quatro anos, se lembrarem dele e dos dias de luta da família contra a doença. Andrew Hickie tem expectativa de vida de apenas dois meses. As informações são do Daily Mail.

O britânico, que ainda está trabalhando, espera poder receber um medicamento (Pilimumab, utilizado no tratamento de melanoma e outros tipos de câncer como de pulmão e prostático) para que possa ter mais alguns anos de vida e curtir a família.

Hickie foi retirado de um grupo de tratamento alternativo em sua cidade Newcastle-upon-Tyne, por não ter reagido.

O câncer do homem começou com uma pinta no pé esquerdo e já teve metástase para cabeça, abdômen, fígado e outras partes do corpo. Ele conta que vai sentir falta dos filhos e da esposa, Victoria, mas que tem aproveitado o tempo de vida que lhe resta.

Compartilhar: