Pai de criança ignorada por Messi desmente foto de encontro

O próprio Messi teve que esclarecer posteriormente a situação, dizendo que não havia visto a criança e que “não faria isso a um bebê

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

No duelo entre Argentina e Bósnia do último domingo teve um fato extracampo protagonizado por Lionel Messi, que deu a volta ao mundo e teve mais repercussão nas redes sociais que seu próprio gol.

Quando a Argentina chegou ao túnel de entrada em campo do Maracanã, a fila era encabeçada pelo camisa 10 da Argentina.

Até aí, tudo normal. Mas justo no momento anterior à saudação aos árbitros, um menino se aproximou com a intenção de dar a mão a Messi, o que não aconteceu.

O próprio Messi teve que esclarecer posteriormente a situação, dizendo que não havia visto a criança e que “não faria isso a um bebê”.

Tudo parecia esclarecido para o atacante quando, nesta terça-feira, um grupo de torcedores do Barcelona que atualizam a conta @FiebreCulé no Twitter informou que Messi havia remediado a situação.

No entanto, para quem viu o vídeo, algo não cheirava bem: o garoto da foto divulgada não tinha nada a ver com o que foi visto no vídeo. O pai do jovem confirmou a diferença em entrevista ao canal de TV por assinatura Fox Deportes.

“Estou certo de que o pessoal que gerencia as relações pública de Messi não se prestaria a fazer uma montagem deste tipo. Creio que não se certificaram da imagem”, afirmou Raul Illescas, pai do menino guatemalteco.

“O que mais me chateou foi que mencionaram que meu filho havia recebido uma camiseta e não sei mais o quê. O que quero é que se esclareça e que se diga a verdade”, completou Illescas.

Compartilhar: