Pai é executado por dívida de R$ 1.000 do filho de 15 anos com traficantes

Homem foi morto no bairro Camelos, em Santa Luzia

Trecho da rua onde corpo foi encontrado. Foto:Divulgação
Trecho da rua onde corpo foi encontrado. Foto:Divulgação

Traficantes “encomendaram” a morte de um homem porque o filho devia R$ 1.000 em drogas. Roberto Cristiano dos Santos, 36 anos, foi morto com dois tiros na cabeça e um no queixo, no fim da noite de sábado (1º), em Santa Luzia, na região metropolitana de Belo Horizonte.

O crime aconteceu perto da casa da família, na rua Maria Luiza Novais, bairro Camelos. Testemunhas disseram que, por volta das 23h, dois homens se aproximaram da vítima em uma moto e o passageiro atirou à queima-roupa.

A mulher de Roberto dos Santos reconheceu o corpo e assumiu à Polícia Militar que o marido usava drogas, mas afirmou que ele não tinha dívidas ou sofria ameaças. Ela contou, entretanto, que o filho de 15 anos devia R$ 1.000 para um traficante chamado Roni. Segundo os militares, o adolescente confirmou a dívida e disse que era um problema de quando vendia drogas, mas afirmou que não tem mais envolvimento com o crime.

O corpo foi levado para o Instituto Médico Legal. Nenhum suspeito foi preso.

Fonte:R7

Compartilhar: