Pais retiram criança com tumor de hospital e são procurados

Pais de Ashya King tiraram o menino, que tem um tumor cerebral, de um hospital do sul da Inglaterra

Menino precisa da atenção médica constante, informa o hospital. Foto: Divulgação
Menino precisa da atenção médica constante, informa o hospital. Foto: Divulgação

A polícia britânica trabalha, nesta sexta-feira, ao lado da polícia francesa, para encontrar uma criança de 5 anos de idade retirada de um hospital inglês pelos pais, contra a recomendação dos médicos.

Os pais de Ashya King tiraram o menino – que tem um tumor cerebral – de um hospital de Southampton (sul da Inglaterra), na quinta-feira, ao meio-dia e “embarcaram com os seis irmãos e irmãs de Ashya em uma balsa entre Portsmouth e Cherbourg”, no norte da França, onde chegaram à noite, segundo um porta-voz da polícia britânica.

Ashya “está em uma cadeira de rodas ou num carrinho de bebê. Não pode comunicar-se nem mover-se”, de acordo com a mesma fonte.

Operado recentemente, ele precisa de atendimento médico constante. “Se não encontrarmos Ashya hoje, sua vida pode estar seriamente ameaçada”, declarou o porta-voz.

Em sua conta na rede social Instagram, um dos irmãos de Ashya, Naveed, descreve-se como uma testemunha de Jeová, uma confissão cristã que rejeita a transfusão de sangue.

Fonte: Terra

Compartilhar:
    Publicidade