Para marcar lugar no G4, ABC joga mais uma vez contra o Atlético- GO

ABC eliminou o Atlético na Copa do Brasil deste ano

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Após viverem extremos nos estaduais, Atlético-GO e ABC continuam em momentos opostos no Campeonato Brasileiro da Série B. Mas desta vez a situação se inverteu. Lutando pela primeira vitória, o campeão goiano recebe o Mais Querido – que decepcionou no Potiguar ao não chegar nem à final -, nesta terça-feira, às 19h30, no Estádio Serra Dourada, em Goiânia, pela sexta rodada.

Para ajudar, a partida ainda pode ter sabor de revanche. Afinal, foi o ABC quem eliminou o Atlético na Copa do Brasil deste ano. Os dois times se enfrentaram na segunda fase do torneio. Após empatar em casa, por 1 a 1, os alvinegros surpreenderam e venceram por 2 a 1, dentro do Serra Dourada. Agora, enfrentam o Novo Hamburgo.

Apesar do título estadual, o Dragão não conseguiu engrenar nesta Série B. Em cinco jogos, empatou quatro e perdeu um. Após o 0 a 0 com o Joinville, em casa, na última rodada, o técnico Marcelo Martellote balançou, mas não caiu. Quem continua caindo é o próprio time, que figura na zona de rebaixamento, com quatro pontos, na 18ª posição.

Do outro lado, o ABC parece estar em estado de graça. Depois de fracassar no Estadual e ver o rival América levantar a taça, o time classificou na Copa do Brasil e iniciou muito bem a Série B. No sábado passado, o time bateu o Sampaio Corrêa, por 1 a 0, e assumiu a terceira posição, com dez pontos.

Voto de confiança

Marcelo Martelotte ganhou mais um voto de confiança da diretoria do Atlético-GO. O treinador foi bastante criticado pela torcida depois do empate sem gols com o Joinville. A possibilidade do treinador ser demitido aumentou ainda mais depois que o vice-presidente Jovair Arantes disse que, caso Martelotte não deixasse o Dragão, ele pediria para sair.

Após reunião realizada entre os dirigentes rubronegros na manhã desta segunda-feira, o diretor de futebol Adson Batista descartou qualquer mudança na comissão técnica.

“É a confiança que temos no trabalho dele, é um cara correto e íntegro. Não foi a intenção do Jovair em desrespeitá-lo, ele falou aquilo no calor da partida. Isso é passado e vamos superar isso. Entendemos que o Martelotte tem condição de dar continuidade ao trabalho e esperamos que amanhã (terça-feira) inicie uma vida nova”, afirmou Adson Batista.

Nesta terça-feira, o time titular sofrerá duas mudanças. Artur recebeu o terceiro cartão amarelo e cumpre suspensão automática, enquanto Lino foi substituído ainda no primeiro tempo e está vetado pelo departamento médico. Assim, Adriano e Paulo Henrique serão os substitutos.

Quebra cabeça

A vitória no último final de semana de um ânimo novo ao time do ABC. A missão desta terça, entretanto, não será nada fácil. O técnico Zé Teodoro terá que quebrar a cabeça para escalar o onze inicial.

Isso porque o artilheiro do time com quatro gols na Série B, Dênis Marques e o principal meia de armação, Rogerinho, foram vetados pelo Departamento Médico e sequer viajaram para a Goiânia. Além deles, o zagueiro Suéliton e o lateral-esquerdo Luciano Amaral estão suspensos com três cartões amarelos.

Se as notícias são ruins por conta dos desfalques, o técnico pelo menos poderá contar com os dois mais novos contratados finalmente. O zagueiro Diego Jussani e o lateral Madson viajaram para Natal e devem começar a partida como titulares. Mesmo assim, Zé Teodoro confirmou que não passará a escalação antes da partida.

“O trabalho está dando certo e quanto menos dicas dermos para o adversário, melhor. Vamos avaliar o que temos à disposição e colocar o que for melhor em campo”, disse.

Fonte: Futebol Interior

Compartilhar:
    Publicidade