Parnamirim viveu madrugada de execução de usuários de drogas

Vítimas foram mortas em um intervalo de 10 horas.

Fernando do Nascimento foi morto na manhã desta quarta-feira. Foto: Divulgação
Fernando do Nascimento foi morto na manhã desta quarta-feira. Foto: Divulgação

A Polícia Militar registrou dois assassinatos em um intervalo de 10 horas na cidade de Parnamirim, região Metropolitana de Natal. O último ocorreu na manhã desta quarta-feira (21), no bairro Boa Esperança. Nos dois casos, segundo a polícia, as vitimas foram mortas a tiros por criminosos não identificados e possuíam histórico de envolvimento com drogas.

O primeiro aconteceu por volta das 19h desta terça-feira, na rua Santo Antônio, no bairro Bela vista, o pedinte Carlos Francisco da Silva, de 24 anos, tinha acabado de sair de uma padaria quando foi cercado por dois homens armados. Segundos depois, a dupla sacou armas e atirou no jovem, que morreu no local após ser atendido por socorristas do SAMU.

De acordo com a irmã de Carlos, o jovem era viciado em drogas desde a adolescência, Marcia Silva acredita que o irmão foi morto por causa de alguma dívida com traficantes. “Este é o destino de quem procura este mundo de drogas, nó da família fizemos de tudo para ele largar, mas o crack foi mais forte e ele acabou desse jeito”, disse.

Por volta das 5h desta quarta-feira (21), a vítima foi o desempregado Fernando do Nascimento Alves. Segundo familiares, que preferiam não serem identificados, o homem foi morto na rua por pessoas desconhecidas que passaram em um veículo e atiraram. Fernando tinha 39 anos e também tinha problemas com drogas.

Fonte:Portal BO

Compartilhar: