Passados 30 dias, delegado reforça tese de que PM matou lutador de MMA

Silvio Fernando aguarda conclusão de laudos para finalizar inquérito

O delegado Silvio Fernando, que comanda o inquérito da morte do lutador de MMA Luiz de França Sousa Trindade, de 25 anos, afirmou que, passados 30 do assassinato, a principal tese é de que o tenente da Polícia Militar Iranildo Félix tenha sido o autor do crime. Foto:Divulgação
O delegado Silvio Fernando, que comanda o inquérito da morte do lutador de MMA Luiz de França Sousa Trindade, de 25 anos, afirmou que, passados 30 do assassinato, a principal tese é de que o tenente da Polícia Militar Iranildo Félix tenha sido o autor do crime. Foto:Divulgação
Compartilhar: