Pastor suspeito de estuprar menina de 10 anos de idade é preso

A criança foi ouvida e contou para os policiais que passou a ser procurada e aliciada pelo pastor após a festa de aniversário de sua mãe, em novembro do ano passado.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Um pastor foi preso por policiais civis em Sinop, no norte de Mato Grosso, por suspeita de abusar sexualmente de uma menina de 10 anos. Claudio Leite Malafaia, 50 anos, detido na última sexta-feira, teve a prisão preventiva decretada por crime de estupro de vulnerável.

A investigação feita pela delegacia do município de Lucas do Rio Verde, onde o crime ocorreu, começou após a mãe da vítima procurar o Conselho Tutelar para denunciar que o pastor estava se relacionando com a sua filha. A criança foi ouvida e contou para os policiais que passou a ser procurada e aliciada pelo pastor após a festa de aniversário de sua mãe, em novembro do ano passado. Malafaia seria muito amigo da família. A vítima relatou que, desde então começou um “namorico” com o pastor, que a presenteava e a tratava muito bem.

Após o relato, a menina foi encaminhada para exame de corpo de delito e testemunhas foram ouvidas. Assim que ficou sabendo da denúncia à polícia, Malafaia fugiu para Sinop, onde foi preso. Ele foi encaminhado à Cadeia Pública da cidade.

Fonte: Terra

Compartilhar:
    Publicidade