Paulo Coelho chama Ronaldo de imbecil por frase sobre Copa do Mundo

Ao assumir o posto no COL, em 2011, Ronaldo disse que era preciso construir estádios, pois não se fazia Copa com hospitais

Paulo Coelho diz ter se decepcionado com preparação do Brasil para a Copa. Foto: Divulgação
Paulo Coelho diz ter se decepcionado com preparação do Brasil para a Copa. Foto: Divulgação

A declaração de Ronaldo em 2011 defendendo os gastos em estádios com a Copa do Mundo ainda provoca críticas ao ex-jogador. Em entrevista ao jornal francês Le Journal du Dimanche, publicada na última semana, o escritor brasileiro Paulo disse que o membro do Comitê Organizador Local (COL ) não deveria ter feito a comparação de gastos com hospitais.

“Nós poderíamos usar o dinheiro para construir algo diferente de estádios em um país que precisa de tudo: hospitais, escolas, transportes… O Ronaldo é um imbecil ao dizer que não é papel da Copa do Mundo construir infraestrutura”, afirmou ao jornal.

Ao assumir o posto no COL, em 2011, Ronaldo disse que era preciso construir estádios, pois não se fazia Copa com hospitais. O ex-jogador se defende dizendo que foi mal-interpretado, pois a declaração estava inserida em um contexto no qual ele explicava que já estava sendo gasto dinheiro com saúde, segurança…

A entrevista de Paulo Coelho publicada no Le Journal du Dimanche, em virtude do lançamento do livro Adultério na França, tem como título “Porque não vou para a Copa do Mundo”. O escritor estava presente na comitiva brasileira que recebeu da Fifa a notícia de que seria sede do Mundial, em 2007. Mas desde então disse ter se decepcionado.

“Eu vou assistir aos jogos na TV(…) Eu estava na delegação oficial com Lula, Dunga e Romário quando a Fifa escolheu o Brasil, mas estou muito decepcionado com tudo o que aconteceu desde então”, disse. “A Copa do Mundo poderia ser uma bênção e um momento de comunhão para nós como foi para a França ou a Alemanha. Mas é um desastre”, completou.

Fonte: Terra

Compartilhar:
    Publicidade