Pezão protagoniza luta sangrenta e empata com Hunt no UFC Austrália

Lutadores não economizaram socos, partiram para a trocação nos últimos assaltos e levaram os juízes a decretar a igualdade em Brisbane

Em uma das melhores lutas do UFC em 2013, o duelo terminou empatado. Foto:Divulgação
Em uma das melhores lutas do UFC em 2013, o duelo terminou empatado. Foto:Divulgação

Numa das melhores lutas do UFC em 2013, o brasileiro Antônio “Pezão” Silva empatou com Thomas Hunt em Brisbane, na Austrália, na madrugada deste sábado. Embora não tenha saído do octógono com a vitória, o resultado marca a retomada para o brasileiro após a derrota para Cain Velásquez, o atual campeão dos pesos pesados.

No início do combate, o brasileiro tentou controlar Hunt e manter a distância em relação ao rival, aplicando sobretudo chutes baixos. A estratégia deu certo até o terceiro assalto, quando Pezão foi atingido por um direto, caiu e quase foi derrotado. Após escapar do pior, Pezão tentou, sem sucesso, levar a luta para o chão, mas Hunt resistiu às investidas e manteve o controle das ações.

A partir do quarto assalto, a luta mudou.Daí em diante, o que se viu foi uma distrbuição incrível de socos. Ignorando o evidente cansaço, os dois lutadores partiram para a trocação e levantaram a torcida, que aplaudiu ambos no começo do último round. O sangramento no rosto de Pezão chegou a interromper a luta, que foi retomada e prosseguiu intensa até o final.

Encerrado o duelo, um dos juízes decretou vitória de Hunt por 48 a 47, mas os outros dois apontaram empate, 47 a 47. Assim, a igualdade foi decretada pore decisão majoritária, e a torcida reconheceu o esforço dos lutadores ao aplaudir o resultado.

Shogun dá a volta por cima

Derrotado em três de suas últimas quatro lutas, uma delas diante do falastrão Chael Sonnen, o brasileiro Maurício Shogun Rua conseguiu se recuperar com um belo nocaute diante do neo-zelandês James Te Huna. Shogun precisou de pouco mais de um minuto para vencer a luta com um gancho espetacular, aproveitando brecha na guarda do adversário.

A vitória valeu a Shogun o título de melhor nocaute da noite, com uma premiação de US$ 50 mil (R$ 117 mil), além dos elogios de Dana White, chefão do UFC: “Shogun é malvado. Nocaute do século”, disse ele através do Twitter.

Após a luta, White disse ainda que não vai impor restrições a Shogun, que tinha sido orientado a baixar de peso para evitar uma demissão devido à série de derrotas. Com o nocaute, ele ganhou carta branca do chefe: “Ele pode permanecer em qualquer categoria de peso que queira. A performance dele nesta noite foi incrível”.

Fonte:IG

Compartilhar: