Polícia Civil do RN prende estuprador da própria filha de 15 anos em Assu

A adolescente era ameaçada a não contar nada, sob ameaças do agressor de que mataria pessoas que a vítima amava

Foto:Ilustração
Foto:Ilustração

A equipe de Polícia Civil de Assú prendeu nesta segunda-feira (18), um homem investigado por ter estuprado a própria filha durante aproximadamente sete anos. O pai, M.F.M., saia frequentemente com a menina, hoje com 15 anos, sob o pretexto de que a mesma iria ajudá-lo na limpeza de uma obra, onde mantinha relações sexuais não consensuais com a própria filha.

A adolescente era ameaçada a não contar nada, sob ameaças do agressor de que mataria pessoas que a vítima amava. A menina era geralmente proibida de sair de casa e muito retraída, e não revelava os abusos que sofria. Os estupros só pararam quando o agressor, após ter espancado a filha e levantado suspeitas dos vizinhos, foi expulso de casa em 2013.

Após investigar o caso e colher diversos elementos de prova, a Polícia Civil de Assú representou pela prisão preventiva, efetuou a prisão e já indiciou o agressor pelo crime de estupro de vulnerável em continuidade delitiva.

 

Compartilhar: