Polícia detém acusado de vender entradas para final da Copa por R$ 38 mil

A Polícia Civil carioca continuará investigando casos de vendas de entradas da Copa do Mundo por preços abusivos inclusive durante o Mundial

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

A Polícia Civil do Rio de Janeiro prendeu na tarde desta terça-feira um homem que tentava vender quatro ingressos para as quartas de finais e final da Copa do Mundo, cobrando R$ 27 mil e R$ 38 mil, respectivamente, por entrada. A detenção foi feita na região central da capital carioca, em uma agência bancária.

O infrator foi enquadrado no Artigo 41F da lei 10.671/2003, o qual prevê punição para quem vender ingresso de um evento esportivo por um preço superior ao estampado no bilhete. A prisão faz parte da “Operação Torcedor” da Delegacia do Consumidor, liderada pelo delegado Ricardo Barboza, cujo objetivo é coibir a comercialização ilegal de ingressos.

A Polícia Civil carioca continuará investigando casos de vendas de entradas da Copa do Mundo por preços abusivos inclusive durante o Mundial.

Fonte: Terra

Compartilhar:
    Publicidade