Polícia identifica suspeito de matar idoso achado nu e amordaçado

Vítima teve faca cravada nas costas após receber sete golpes

Homem gastou cerca de R$ 7.000 levados da vítima. Foto:Divulgação
Homem gastou cerca de R$ 7.000 levados da vítima. Foto:Divulgação

A Polícia Civil conseguiu identificar o suspeito de matar um idoso de 63 anos em Brumadinho, na região metropolitana de Belo Horizonte, no dia 5 de fevereiro. Luiz Henrique Soares Pinho executou Darcio Natal de Mendonça a facadas. A vítima foi encontrada com uma faca cravada nas costas, sem roupa e com as mãos amarradas para trás.

O crime ocorreu na casa de Mendonça, na rua Um, bairro Jardim Casa Branca. Pinho foi identificado depois de efetuar várias compras com o cartão da vítima no comércio de Lagoa Santa. Os gastos começaram logo após a morte do idoso. O suspeito passou em uma drogaria e sacou R$ 1.000 em um caixa eletrônico. Em seguida, ainda comprou um som por R$ 2.500.

No dia seguinte, o homem adquiriu ainda uma arma de pressão no centro de Belo Horizonte e sacou outros R$ 1.000. No total, Pinho gastou aproximadamente R$ 7.000.

O homem já é procurado pela polícia por outros crimes e, de acordo com a polícia, trabalha como pedreiro. Ele teria feito uma reforma no banheiro do sítio da vítima durante um mês. Neste tempo, teria aproveitado para conhecer a rotina de Mendonça e planejar o crime.

Fonte:R7

Compartilhar: